Avatar do usuário
Por IvGnomio
Quantidade de postagens
#126296
O quadro expressionista "O Grito", de Edvard Munch, retrata o desalento e a angústia de sua personagem em um ambiente distópico. De maneira análoga à arte, o desamparo de diversas mulheres é evidenciado perante à invisibilidade do trabalho de cuidado no Brasil. Nesse viés, os grandes desafios para a problemática são o processo histórico de segregação social feminina e a desinformação sobre seus direitos.
Primeiramente, é fundamental citar o processo histórico de segregação feminina como potencializador da invisibilidade do trabalho de cuidado no país. Nessa perspectiva, a situação da mulher em sucessivos cenários de ordem patriarcal mitigaram o reconhecimento de suas atividades no meio social. Nesse contexto, é importante elencar o fato de que na gênese da democracia ocidental, Atenas na era de Péricles, a população feminina era posta no mesmo patamar que os escravos de guerra, ou seja, sem cidadania. Sob essa ótica, é necessário que o Estado promova ações para o reconhecimento das atividades desempenhadas, em sua maioria, por mulheres, principalmente o trabalho de cuidado, que é fundamental para a estrutura econômica e social brasileira.
Ademais, a desinformação é um grande obstáculo para o enfrentamento da invisibilidade do trabalho de cuidado realizado por mulheres no Brasil. Dessa maneira, a ausência de informações na população feminina sobre a capacidade de seus direitos enfraquece o reconhecimento de seu trabalho no contexto social. Posto isso, é importante relacionar a visão do sociólogo Émile Durkheim - "a população só consegue agir a partir do momento em que tiver reconhecimento das coisas que depende" - ao processo de conquista do reconhecimento do trabalho de cuidado.
Logo, para mitigar a problemática é imperioso que o Governo Federal - por intermédio de profissionais de sociologia e direito - realize palestras em instituições públicas com mulheres que trabalhem com o cuidado para sanar a chaga nacional, pois, desse modo a população feminina vítima do problema no Brasil estará apta a lutar pela sua visibilidade e reconhecimento. Portanto, o caos de Munch ficará apenas na arte.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
2 Respostas 
1315 Exibições
por vertinho
0 Respostas 
317 Exibições
por EduardaH25
1 Respostas 
377 Exibições
por suy26737tnz
0 Respostas 
297 Exibições
por matheus2306
0 Respostas 
184 Exibições
por EuMaiza
0 Respostas 
187 Exibições
por EuMaiza
0 Respostas 
224 Exibições
por Rayane86
0 Respostas 
218 Exibições
por Euu4
5 Respostas 
431 Exibições
por Caiunao
0 Respostas 
285 Exibições
por anastiny

Segundo a Constituição Federal de 19[…]

Descaso de uma sociedade

Des de muito tempo, poucas pessoas da sociedade t&[…]

É certo que a tecnologia já faz part[…]

No Brasil a prática da automedicaç&a[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM