• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#63623
A vacina surgiu em um importante momento histórico de combate á varíola, no século XVIII. No entanto, apesar dos avanços na medicina, doenças graves, até a pouco tempo estavam controladas e até mesmo tinha sido esquecida, retornaram a atormentar os brasileiros. A respeito disso, muitas áreas da saúde não tem recursos necessários para atender a população, e com isso também muitos indivíduos não contêm informações. Faz-se necessário corrigir desafios que afeta a vacinação dos brasileiros.
De início, é importante ressaltarmos que alguns hospitais e postos de saúde, sofrem precárias condições de estruturação, para receber a eficácia de imunizar a sociedade.
Apesar que, o documento jurídico no artigo 6 de 1988, prevê direito a saúde a todo cidadão brasileiro. A falta de recursos públicos e a pouco investimento na área da saúde, comprometem a qualidade desse direito. Fazendo com que haja mais doenças graves, por conta da dificuldade da população á vacinação.
Além disso, é lembrado que a falta de informação das pessoas, valem interferir nas escolhas dos pais de levar suas crianças a vacinar. Fazendo que torne a população vulnerável, por conta de não saber o quanto isso afeta a saúde de cada um deles , levando á não se imunizar. Dando possibilidades infernalidades como sarampo, poliomielite e a rubéola, voltarem a fazer o país sofrer. Nesse sentido, caso a população não adquirir a imunização, pode criar epidemias.
Portanto, de acordo com os fatos mencionados, medidas devem ser necessárias. Para quê isso ocorra, o Ministério da Saúde deve promover melhoras do sistema de saúde, através de investimentos direcionados a unidades precária e a campanhas de vacinação, para quê haja ampliação na imunização da população. Ademais, o governo deve promover campanhas, por meios das mídias, de conscientização da população ir vacinar, com objetivo de um equilíbrio das doenças, com os cidadãos vacinados.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#63696
Certo
Parcialmente certo
Errado
Ausência

Introdução
A vacina surgiu em um importante momento histórico<Qual período?] de combate á<à] varíola, no século XVIII (Contextualização (1)). No entanto(2), apesar dos avanços na medicina, doenças graves<Por exemplo?] que, até a pouco tempo<Em relação a qual período?], estavam controladas e até mesmo tinham sido esquecidas(3),<Não separe sujeito de predicado] retornaram a atormentar<Como?] os brasileiros (Posicionamento (4)). A respeito disso, muitas áreas da saúde não tem<têm] recursos<Econômico ou insumos?] necessários para atender a população, e com isso também muitos indivíduos não contêm informações<Sobre o quê?] (Bases argumentativas).(Conectivo) Faz-se necessário corrigir desafios que afeta a vacinação dos brasileiros.

Comentário
(1) - Quando você for fazer uma contextualização histórica, na minha perspectiva, você precisa descrever o que está acontecendo nesse período, por exemplo, em relação a sua contextualização, o que motivou a criação da vacina contra à varíola? Essa é um informação que não contém na sua contextualização, então essa parte fica meio vaga.
(2) - Aqui seria adequado usar um conectivo comparativo em vez de uma conjunção adversativa.
(3) - "esquecidas"? Especifique a relação, ou seja, ela foi erradicada do estado, do país ou do continente?
(4) - Nessa parte seria interessante expor se a vacinação no Brasil apresenta ou não algum déficit.
-----> A introdução possui todos os elementos da microestrutura, entretanto algumas orações apresentam lacunas que comprometem a coesão do parágrafo.

Desenvolvimento
1.
De início, é importante ressaltarmos(5)(Coesão interparágrafo) que alguns hospitais<Público ou privado?] e postos de saúde,<Não separe sujeito de predicado] sofrem precárias condições de estruturação (Tópico-frasal), para receber(6) a ineficácia de imunizar a sociedade. Apesar que, o documento jurídico<Qual?] no artigo 6 de 1988, prevê direito a saúde a todo cidadão brasileiro (Repertório). (Conectivo) A falta de recursos públicos e a<o] pouco investimento na área da saúde (Argumento complementar), <Não separe sujeito de predicado] comprometem a qualidade desse direito <Como?] (Explicação da tese embrionária). (Conectivo) Fazendo com que haja mais doenças graves, por conta da dificuldade da população á vacinação. (Consequências)
Explicação da tese embrionária

Comentário
(5) - Os verbos só podem está conjugados na terceira pessoa (plural ou singular).
(6) - "para receber" ficou um pouco confuso, então acredito que seria melhor você usar um termo que enfatize o que será escrito após, por exemplo, "evidencia-se, pois,"
-----> Olha, a explicação da tese está embrionária, porque há uma parte que acredito que seria ela, porém está incompleto: "comprometem a qualidade desse direito", essa parte está incompleta porquê não está especifico as pessoas que precisam ou acessam esse serviço ou como esse recurso não chega a instituição, enfim qualquer uma das opções explicaria bem essa parte.

2.
Além disso, é lembrado que (Coesão interparágrafo) a falta de informação das pessoas (Tópico-frasal), valem(7) interferemir nas escolhas dos pais de levar suas crianças a vacinar (Argumento complementar). (Conectivo) Fazendo que torne a população vulnerável, por conta de não saber o quanto isso afeta a saúde de cada um deles <Especifique como acontece], levando á<à] não se imunizar (Explicação da tese embrionária). (Conectivo) Dando possibilidades de infernalidades como sarampo, poliomielite e a rubéola,<Não separe sujeito do predicado] voltarem a fazer o país sofrer <Evite usar personificação]. Nesse sentido, caso a população não adquirir a imunização, pode criar epidemias. (Consequências)
Repertório

Comentário
(7) - Aqui deveria ser uma conjunção explicativa como, por exemplo, "pois" ou "porque".
----> Faltou ditar uma área de conhecimento para sustentar a sua opinião, além disso no decorrer da escrita nos parágrafos antecessores e nesse você deixa muitas lacunas que poderiam ser preenchida pela especificação. Logo, em termos de estrutura, o desenvolvimento 02 está incompleto.

Conclusão
Portanto, de acordo com os fatos mencionados, medidas devem ser necessárias para resolver a problemática. Para quê <que] isso ocorra, o Ministério da Saúde (Agente) deve promover melhorias do<no] sistema de saúde (Ação), através de investimentos direcionados a unidades precárias e a campanhas de vacinação (Meio/modo), para quê haja ampliação na imunização da população (Finalidade). Ademais, o gGoverno Federal (Agente) deve promover campanhas (Ação), por meios das mídias (Meio/modo), de conscientização da população ir vacinar (Detalhamento), com objetivo de um equilíbrio das doenças, com os cidadãos vacinados. (Finalidade)
Proposta 01 - detalhamento

Comentário
-----> Você apresentou duas proposta de intervenção, porém a primeira está incompleta, porque não foi colocado o detalhamento, enquanto a segunda está completa. Logo, com esse impasse a pontuação da C5 será dada de acordo com a proposta que apresenta menos elementos válidos.
Doença mental

Deivid16 , Gi69

“A essência dos direitos humanos &eac[…]

vitoriaca , tá bom anjo❤

Iurymed , ei!! Claro! Posso sim. Em breve, ok[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM