Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#61032
O princípio da vacinação é apresentar para o corpo uma versão inofensiva de um organismo que causa infecções perigosas, como os vírus e bactérias denominados de patógenos. Eles estimulam o sistema imunológico a produzir anticorpos, os quais atuam contra os agentes patogênicos causadores de doenças. Contudo, apesar dos avanços alcançados na área científica, a negligência governamental unida à desinformação da população são os principais obstáculos à política de imunização no Brasil. Sob tal ótica, torna-se fundamental a discussão desses aspectos, a fim do pleno funcionamento da sociedade.
É notório destacar, a princípio, o fator locacional como impulsionador do problema. Conforme o último censo do IBGE, cerca de 18 milhões de pessoas estão localizadas em regiões distantes de centros urbanos e de difícil acesso. Nesse sentido, considerando-se a complexidade de fazer chegar às vacinas nessas regiões mais remotas do país, em especial a Amazônia, é de suma importância que os serviços de imunização trabalhem em práticas que tornem suas ações mais eficazes.
Além disso, cabe mencionar a revolta da vacina, uma insurreição popular ocorrida no Rio de Janeiro no início do século XX. A falta de divulgação da natureza da vacina contra a varíola e seus efeitos benéficos, em conjunto com a truculência das autoridades foram as principais causas dessa insurreição. Analogamente ao contexto mencionado, a ineficiência do governo em promover campanhas de informação e vacinação regularmente contribuem para que movimentos antivacina e informações inverídicas ganhem força, tornando a população alienada e negligente.
Diante dos fatos mencionados, faz-se mister a reformulação dessa postura estatal de forma urgente. Destarte, é imprescindível que o estado realize o mapeamento das regiões remotas, através de drones e satélites, com intuito de extrair informações precisas que possibilitem mitigar a inacessibilidade a imunização nessas localidades. Outrossim, o Ministério da Saúde deve promover campanhas publicitárias informativas sobre a vacinação, por meio das mídias de comunicação, como revistas, jornais e portais virtuais, com o objetivo de combater os discursos falaciosos que impulsionam os problemas supracitados. Assim, será possível evitar que mais brasileiros sejam aprisionados à caverna da ignorância.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Alfabetização

No filme "Como estrelas na terra" &eacut[…]

NathaliaLima , olá, boa-noite! irei corrig[…]

Anninha , olá, boa-noite! irei corrigir su[…]

A vocação para o mercado de trabalho[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM