Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#49945
Brás Cubas, o defunto-autor de Machado Assis, diz em suas "memórias póstumas" que não teve filhos e não transmitiu a nenhum criatura o legado da miséria humana. Talvez hoje ele percebesse acertada a sua decisão: a questão do desperdício de alimentos enquanto milhões de famílias passam fome é uma das faces mais perversas de uma sociedade em desenvolvimento.
Em primeira instância, vale citar o conceito de banalidade do mal da filósofa política alemã, Hannah Arendt, a qual afirma que quando uma atitude hostil ocorre com frequência, a sociedade para de vê-la como errônea. Nesse sentido, uma das principais causas para a perpetuidade do desperdício é o comportamento do consumidor. Famílias com maior poder econômico são também as que mais desperdiçam alimentos. Falta a consciência da população de pensar na escassez de recursos naturais e também nas famílias menos favorecidas.
Ademais, é fundamental ressaltar a ausência de medidas governamentais para combater esse desperdício. Sabe-se que grande parte do não aproveitamento de frutas e hortaliças, por exemplo, acontece já nas primeiras fases de produção. Faltam regulamentações mais rígidas nos processos de pós-colheita, armazenagem e distribuição dos produtos.
Portanto, é mister que o Estado tome providências para superar o impasse. Para que isso ocorra, o MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.) precisa implantar medidas e leis que assegurem o melhor aproveitamento da produção de alimentos. Também se faz necessário orientar a população por meio de campanhas na mídia para que se atentem a questão. A criação de mercados de segunda mão também é válida, gerando menos desperdício.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

XxDamastco emilydassis Podem pontuar pra m[…]

wagner123 , poderia dá uma olhadinha ness[…]

emilydassis , agora fui eu q esqueci de te marca[…]

jherodrigues marifreiress Josue22 FelipeSgo[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM