Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#51311
A Declaração Universal dos Direitos Humanos, de 1948, defende o acesso educacional igualitário a todo e qualquer indivíduo. Entretanto, existem ainda diversos empecilhos que dificultam a formação educacional de pessoas com deficiência auditiva no Brasil. Sendo assim, podemos citar a falta de debate sobre a importância da composição educacional e ausência de suportes aos educadores, como desafios para o desenvolvimento acadêmico às pessoas surdas.
Em primeiro plano, a falta de discussão auxilia que o problema persista, ou seja, a sociedade brasileira não debate sobre o tema e a mídia não instiga à população sobre. Diferentemente do que acontecia na Ágora, principal praça pública ateniense, na qual cidadãos discutiam e debatiam sobre diversos assuntos políticos e sociais, e, por conseguinte, podiam decidir mudar determinada situação através do voto. Logo, seria necessário o debate da importância educacional para deficientes auditivos, para que possamos possibilitar uma melhora no cenário.
Outro desafio existente, é a ausência de suporte aos educadores. Apesar de estarmos vivendo uma era com avanços tecnológicos exponenciais, conforme o que apresenta a Singularity University, ainda carecemos de tecnologias que auxiliem o aprendizado e ensino aos indivíduos com perda auditiva. Isto é, ainda falta a criação de novas ferramentas, protótipos e projetos que possibilitem uma formação educacional completa e de maneira simplificada.
Logo, ainda existem diversos desafios no desenvolvimento acadêmico aos deficientes auditivos. Portanto, cabe à Mídia em conjunto ao Ministério da Comunicação, desenvolver conteúdos áudio visuais (com suporte às pessoas deficientes) que instigam o debate e discussão sobre o tema para toda população brasileira, para que gere interesse público em políticas que visem beneficiar pessoas surdas. Assim como, é de responsabilidade do Ministério da Ciência e Tecnologia junto ao Ministério da Educação, desenvolver ferramentas como lousas interativas com linguagem de libras e oferecer cursos de capacitação aos docentes, visando aprimorar o ensino. Somente dessa maneira, será possível oferecer uma formação educacional completa a todo e qualquer indivíduo conforme a Declaração Universal dos Direitos Humanos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Já faz alguns anos que a reduç&atild[…]

O estigma da saúde mental

Transtornos psicológicos Com freq[…]

atualmente, é difícil estabelecer co[…]

Nas últimas décadas a sociedade tem […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM