Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#45349
Em 2020 fomos surpreendidos com a pandemia do coronavírus e seus impactos na sociedade, dentre eles a diminuição das doações de órgãos e sangue no país. A fila de espera que já era extensa se tornou ainda maior devido ao adiamento dos transplantes, e da diminuição de cirurgias médicas.
Os transplantes de órgãos que já eram escassos se tornaram ainda mais, tudo isso devido a situação vivida pelo mundo atualmente. Ainda que o Brasil seja o segundo maior em doadores de órgãos do mundo é visto um grande receio da população. A desinformação e a tendência a se evitar os hospitais, tornaram ainda mais agravante o tabu das doações, e durante o ano foi possível observar diversas campanhas em prol desta causa.
A falta de informações adequadas aparece como outro ponto a se destacar, em vista de que grande parte da população desconhece o funcionamento dos transplantes. Há um grande conservadorismo por parte das pessoas em relação as doações o que leva a um certo tabu que se perpetua por gerações. Apesar das diversas campanhas, existem uma séries de pré-requisitos para se tornar aptos para as operações, o que torna ainda mais burocrática as doações.
Em vista da problemática destacada, é importante ressaltar o caso de Gugu Liberato, que pode devido a sua simbólica doação, despertou o interesse da população em geral nessa importante causa. São de suma importância campanhas publicitárias conscientizantes veiculadas pela mídia e patrocinada pelo Ministério da Saúde com o intuito de despertar o interesse da população e assim evitar que se torne questão de calamidade pública a carência de doações para o futuro. Contudo, é preciso outras formas de resolução da problemática a longo prazo como o investimento em tecnologia e pesquisas universitárias pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações. É de suma importância uma cooperação mútua para a resolução de um problema que se tornou ainda mais agravante em 2020, em vista de que a qualquer momento podemos precisar deste serviço.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Promulgada em 1988, a Constituição F[…]

A série "13 Reasons Why", baseada[…]

Nos dias atuais é visível a falta de[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM