• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#69367
É indubitável que a Revolução Técnico- Científico- Informacional do século XX trouxe diversos avanços tecnológicos em inúmeras áreas, sendo uma delas a biotecnológica. Contudo, esse avanço mediante a Terceira Revolução Industrial não trouxe apenas vantagens, revelando assim, alguns desafios para conciliação da biotecnologia e o âmbito ético e social. Entre incontáveis empecilhos em tal esfera, estão: a produção de alimentos transgênicos, juntamente as interferências no equilíbrio da natureza.
Sob ângulo social, a biotecnologia apresenta um grande problema, sendo esse, a produção dos alimentos geneticamente modificados. Confúcio, um grande filósofo chinês diz: "O homem joga sua saúde fora para para conseguir dinheiro; depois, usa o dinheiro para reconquistá-la. Sob tal ótica, uma alimentação contida por produtos alterados, traz enormes malefícios para a saúde. É incontestável a necessidade da diminuição na produção de tais alimentos.
Aliado a tal ponto, as falhas no equilíbrio da natureza é outro óbice a ser resolvido. Segundo o dramaturgo irlandês George Shaw, a ciência nunca resolve um problema criar outros dez. Nesse viés, é perceptível as facilidades que a tecnologia no geral proporciona, mas, em contrapartida, o meio ambiente tem sofrido grandes consequências para que tais recursos sejam disponibilizados. Sendo assim, é inaceitável que essa situação continue ocorrendo.
Portanto, torna-se totalmente necessário mudanças no campo biotecnológico para que a ética possa estar atrelada ao mesmo. Logo, é indispensável que a OMS- Organização Mundial da Saúde- alerte assim a população mundial sobre os perigos de tais alimentos por meio de campanhas nas redes sociais, com a finalidade de conscientizar e evitar que surjam problemas maiores. Aliado a isso, faz-se essencial que o governo crie leis com a finalidade de diminuição dos prejuízos causados no meio ambiente por conta dos produtos químicos, entre outros. Sendo assim, todo o avanço ocasionado pela Terceira Revolução Industrial, causará majoritariamente o bem.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação previsível e apresenta domínio mediano do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido adequadamente, porém de forma previsível, com pouco avanço em relação ao senso comum ou, embora o texto demonstre domínio adequado do tipo textual exigido, a progressão textual apresenta algum problema.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#70120
Ei, @vitrola1408.

É indubitável que a Revolução Técnico- Científico- Informacional do século XX trouxe diversos avanços tecnológicos em inúmeras áreas, sendo uma delas a biotecnológica (contextualização). Contudo, esse avanço mediante a > crase Terceira Revolução Industrial não trouxe apenas vantagens, revelando assim, alguns desafios para conciliação da biotecnologia e o âmbito ético e social (tese). Entre incontáveis empecilhos em tal esfera, estão: a produção de alimentos transgênicos, juntamente > pode substituir por "e" as interferências no equilíbrio da natureza (encaminhamento).

Sob ângulo social, a biotecnologia apresenta um grande problema, sendo esse, a produção dos alimentos geneticamente modificados (apresentação da ideia). Confúcio > recomendo utilizar outro conectivo: Nesse sentido/Nesse contexto, um grande filósofo chinês < qual? diz: "O homem joga sua saúde fora para para conseguir dinheiro; depois, usa o dinheiro para reconquistá-la". Sob tal ótica, uma alimentação contida por produtos alterados, traz enormes malefícios para a saúde < quais malefícios? (encaminhamento da argumentação). É incontestável a necessidade da diminuição na produção de tais alimentos (fechamento).

Aliado a tal ponto, as falhas no equilíbrio da natureza é outro óbice a ser resolvido (apresentação da ideia). Segundo o dramaturgo irlandês George Shaw, a ciência nunca resolve um problema criar outros dez > melhorar a ortografia. Nesse viés, é perceptível as facilidades que a tecnologia no geral proporciona, mas, em contrapartida, o meio ambiente tem sofrido grandes consequências < quais consequências? para que tais recursos < quais recursos? sejam disponibilizados (encaminhamento da argumentação). Sendo assim, é inaceitável que essa situação continue ocorrendo (fechamento).

Portanto, torna-se totalmente necessário mudanças no campo biotecnológico para que a ética possa estar atrelada ao mesmo. Logo, é indispensável que a OMS > agente- Organização Mundial da Saúde- alerte assim a população mundial sobre os perigos de tais alimentos por meio de campanhas nas redes sociais < ação + modo/meio, com a finalidade de conscientizar e evitar que surjam problemas maiores < finalidade. Aliado a isso, faz-se essencial que o governo < agente crie leis com a finalidade de diminuição dos prejuízos causados no meio ambiente por conta dos produtos químicos < ação + finalidade, entre outros. Sendo assim, todo o avanço ocasionado pela Terceira Revolução Industrial, causará majoritariamente o bem.

agente // ação // modo-meio // detalhamento // finalidade

>>>> Tente especificar mais as informações. A sua estrutura está excelente!

Abraços. :D
HABILIDADES SOCIOEMOCIONAIS

Para o filósofo grego Aristóteles, q[…]

O peso de ser gentil

Cordialidade trata-se do bom recebimento e tratam[…]

A Constituição Federal, norma de mai[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM