Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#45493
Em 1948, a Organização das Nações Unidas promulgou a Declaração Universal dos Direitos Humanos, a qual garante a todos, o direito à saúde e o bem-estar social. Entretanto, a permanência do Aedes aegypti no Brasil impossibilita que parte da população desfrute de tal direito. Motivo esse que se deve principalmente pela negligência Estatal, bem como a ambição capitalista no âmbito farmacêutico.
Primordialmente,o poder público é negligente com a sociedade em relação a saúde,nas propagandas da mídia por parte do governo federal ,dizem nas entrelinhas,que se a sociedade está tendo dificuldades com o vírus,são responsáveis por deixar água parada .Pois é mais fácil procurar culpados do que procurar meios de resolve- lo .Com a febre amarela não foi diferente,de acordo com a Wikipédia morre mais de 30 mil pessoas por ano vítimas da icterícia,antes disso houve muitas outras mortes até que o estado tomasse alguma providência
Ademais, a prevalência de uma cultura de menosprezo pela ciência têm perpetuado. Uma das principais formas de combater as doenças é por meio de vacinas e antibióticos. Todavia, em razão de o Brasil não dispor de uma política de investimentos adequados para o subsídio de pesquisas científicas, não há vacinas que protejam a população das doenças causadas pelo Aedes Aegypt. As doenças são mais comuns em países tropicais, que em maioria são subdesenvolvidos, tornando pouco lucrativo o investimento em pesquisas e em novos remédios, segundo pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde(OMS), apenas 4% de novos remédios são produzidos para patologias em países subdesenvolvidos. Em vista disso, fica clara a consonância com a Teoria marxiana de que o capitalismo é pilar das motivações humanas.
Torna-se necessário, portanto, que o Aedes Aegypti e suas mazelas, precisam ser resolvidas.O Estado, na figura da Organização da Mundial da Saúde em Parceria com o Ministério da Fazenda, invista financeiramente na indústria farmacêutica brasileira, com o objetivo de proteger e imunizar população das arboviroses. Sendo assim gerando mais empregos para profissionais que serão responsáveis por minimizar as condições favoráveis de proliferação de mosquitos infectados nas residências dos cidadãos brasileiros.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Combate ao analfabetismo

Segundo o artigo 6 da Constituição t[…]

XxDamastco muito obrigado, vou dar uma estudada […]

genivievy , Geralcinoj jherodrigues TamiresR[…]

Jeniffeeee marliac olá, algum de vcs p[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM