Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#58431
No período na Grécia Antiga, em Esparta, as crianças que eram portadoras de alguma deficiência, eram mortas logo depois de nascer, pois eram consideradas um defeito que atrapalhava a imagem da civilização dos espartanos, na qual essa imagem deveria ser de uma pessoa forte, guerreira e resistente, já que eles criam que eram descendentes de Ares, o deus da guerra. O capacitismo significa o preconceito e discriminação contra pessoas deficientes pois elas quebravam seus "padrões" da sociedade.

Primordialmente, nota-se que na área da educação isso não é diferente, muitas instituições de ensino têm registrado casos de preconceito e dificuldades no ensino de uma criança deficiente. Porquanto o tipo de cuidado é muito diferente de uma pessoa normal, em que é necessário mais atenção e orientação, por isso o termo de necessidade especial numa pessoa que possui esses problemas. Segundo o IBGE, no Brasil existe 45 milhões com alguma dificuldade para ver, ouvir, se movimentar ou algum tipo de incapacidade mental. A pesquisa citou que se o Brasil tivesse apenas 100 habitantes, provavelmente 19 delas teriam dificuldades para enxergar, 7 teriam dificuldade em se movimentar, 5 teriam dificuldade para ouvir e 1 teria deficiência mental ou intelectual.

Além disso, a educação inclusiva, nos últimos dias, tem avançado desde 2010, embora 30% dessa população estão fora da escola, muitas pessoas acreditam que as escolas particulares estão mais preparadas para incluir crianças com deficiência, contudo apresentam dificuldades além do bullying de outros alunos por apresentar essa tal dificuldade. No exemplo de um protagonista do longa-metragem Extraordinário, o personagem Auggie Pullman nasceu com uma deformidade no rosto, teve que passar por 27 cirurgias, aos 10 anos, pela primeira vez entrou numa escola regular, passou por muitos problemas devido à sua deficiência física e apresentou superações no decorrer do filme.

Tendo em vista as análises citadas, é importante que o Ministério da Educação e as escolas abordem mais assuntos como esse e incentivem a inclusão e a aceitação através de propagandas, criem mais meios de combate ao preconceito contra a deficiência nas redes sociais e outros meios de comunicação, para que haja mais união e consideração com essa parte da população e que venham acreditar que são humanos como qualquer outro tanto na escola como em todos os lugares, como no filme citado.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Promugada pela ONU em 1948, a declaraç&atil[…]

Sua redação não encaixa corre[…]

O filósofo francês Sartre defende que[…]

"Só pro meu prazer..."

Obrigada Ashiley , ficarei mais atenta quanto as […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM