Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#56284
Machado de Assis, em uma de suas obras afirmou: "a tolerância é ainda uma virtude do crítico". Dessa forma, observa-se que embora a cultura do cancelamento, o ato de tornar inválida a opinião e os conteúdos de alguém por um erro seu, demonstra a capacidade das pessoas de se posicionarem e distinguirem o certo do errado, é uma prática que tem excedido os limites. Assim, se torna fácil perceber seu caráter egoísta e arrogante, e que tem sido usada com exacerbada irresponsabilidade, arruinando a vida profissional e pessoal daquele envolvido, ao invés de circundar apenas sua atitude, sendo, portanto, ineficaz. E tal fenômeno se deve, sobretudo, à intolerância e alienação nas redes sociais.
Em primeira análise, é relevante citar a postura intolerante como motivo que conduz as pessoas a efetuarem o cancelamento. O grande filósofo e historiador François Marie Arouet, ou Voltaire, produziu a seguinte frase: "Não concordo com uma palavra do que dizes, mas defenderei até o último instante o teu direito de dizê-la”. Porém, tal afirmativa não ocorre na realidade, uma vez que devido à dificuldade em aceitar a pluralidade de ideias, e principalmente as que forem contrárias à sua e do senso comum, aquelas "padronizadas", muitos tendem a reprimir e tentar silenciar a voz de quem as divulga. Episódio semelhante se sucedeu com a atual participante do Big Brother, Sarah, que após externar sua opinião política sobre o presidente Jair Bolsonaro, teve seu nome nas principais hashtags do Twitter como figura cancelada, apenas por ter um modo de pensar que se difere dos demais. Desse modo, a intolerância tem grande contribuição negativa no que tange a esse tema.
Em segunda análise, o grande uso das redes sociais é outro motivo que influencia a recorrência dessa problemática. Conforme o Relatório Digital de 2019, no Brasil existem 140 milhões de pessoas usando as mídias sociais, e de 212 milhões de habitantes, mais de 140 possuem acesso à internet. Diante disso, infere-se que com o crescimento do número de usuários de aplicativos da esfera da internet, a mobilização se torna mais propícia e potencializada, de forma que as pessoas conseguem se reunir em debates digitais de análises críticas às ações de outros internautas. A alienação em redes sociais aumentou em escala alarmante no período de quarentena, o que corrobora para a ampliação do cancelamento, bastante viabilizado pelo mundo digital, devido a facilidade de compartilhamento de informações e uso do “top trending”, o que resulta em demasiada visibilidade, tendo novamente um efeito negativo em tal tema.
Levando em conta o supracitado, conclui-se que a intolerância e o uso desenfreado de redes sociais contribuem para a continuidade da cultura do cancelamento, sendo necessária a adoção de medidas. Logo, cabe ao Ministério da Educação criar projetos para o ensino da tolerância e respeito nas escolas, incluindo atividades práticas que simulem a vida real, a fim de exemplificar ao aluno como de fato ocorre essa prática. É também da competência de empresas como Twitter exercer maior controle sobre o que adquire dimensão e relevância na plataforma, barrando aquilo que tomar rumos desnecessários, por meio de reuniões com diretores das diversas escolas, integração entre as diversas formas de mídia e apoio financeiro, para que, gradativamente, a sociedade brasileira se veja livre desse obstáculo que permeia as relações contemporâneas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

A Prática do Bullying tem si tornado cada v[…]

No que se refere à democratizaç&atil[…]

Violência Naturalizada O desvalor, e […]

Em pleno século XXI transtornos mentais &ea[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM