Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#50375
Evidentemente, a internet - orginada durante a Guerra Fria - favoreceu o rápido acesso à
informação, visto que intensificou os meios de comunicação e a globalização em si. Contudo, a
partir desse progresso, surgiram as redes sociais, as quais podem gerar vícios e sentimentos de
insuficiência perante os jovens que fazem o uso desta. Consequentemente, distúrbios
psicológicos relacionados com as redes foram intensificados.
Sem dúvidas, "digital influencers" tornaram-se figuras banais para internautas, já que estes
compartilham vários detalhes de suas vidas pessoais na web. Entretanto, muitas vezes, tais
profissionais expõem uma realidade, supostamente, perfeita ao público e, portanto, diversos
jovens desenvolvem distúrbios por se sentirem inferiores. Segundo uma pesquisa feita pelo
IBGE, a taxa de ansiedade e depressão entre os jovens cresceu cerca de 12% com a introdução
de redes sociais, comprovando-se, então, os fatos mencionados.
Além dos fatos trazidos acima, é de extremo interesse ressaltar os possíveis vícios e
sentimentos de prepotências que o mundo virtual pode causar, tendo em vista os padrões
idealistas que lá são impostos. Logo, tais usuários tendem a fazer o possível para se parecer
com o inalcançável da internet. Tem-se um exemplo claro de tal situação a partir de um episódio
da série "Black Mirror", em que a protagonista faz de tudo para atingir o ideal proposto pelas
redes; e ao falhar adquire diversos distúrbios mentais.
Portanto, é fundamental que o Ministério da Saúde forneça campanhas para diminuir a taxa de
distúrbios psicológicos entre jovens. Estas devem ser realizadas em hospitais a partir de
psicólogos e psiquiatras que incentivarão a autoaceitação através de consultas especializadas e
desconstruirão o idealismo virtual. Desse modo, a taxa de distúrbios psicológicos relacionados a
redes sociais pode decair.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

GlendaMorais , oi! Vou comentar brevemente ;) […]

GlendaMorais :D

Você acha que fico nas casas dos 700 com ess[…]

Uma vez que o sistema carcerário brasileiro[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM