• Avatar do usuário
#74964
Crise ambiental brasileira: o ser humano modificando e agredindo a natureza.

Após o ano 1500, quando desembarcaram no Brasil, os portugueses logo de início, almejavam a exploração das riquezas oriundas villa nova terra. A partir de então, inicia-se o extermínio da "mãe natureza" por meio da retirada de pau-brasil, objetivando a sua exportação e consequentemente o acúmulo de riquezas para a monarquia portuguesa. O índio, até então o zelador mais fiel e leal do local descoberto, foi submetido à escravidão, por meios não convencionais e violentos. Os tempos mudaram e a sociedade atual informatizada sob um conscentimento de um senso comum, não aprendeu nada com o passado obscuro, compactuando assim, com a omissão provada de um Estado pouco preocupado com suas raízes naturais.
A Amazônia, padece e grita por socorro todos os dias, principalmente quando é aniquilada pelas empresas e madereiras que subtraem seus lucros de forma agressiva, sem o mínimo de respeito às leis ambientais. Aliás, nos últimos anos, o que se viu foi um Ministério do Meio Ambiente apático, ineficaz e conivente com as práticas maléficas dos madereiros. Não obstante, o ex ministro do meio ambiente, RIcardo Salles, foi exonerado de seu cargo sobre fortes críticas às acusações, que culpavam o dito cujo, de beneficiárias empressas e executivos, que exportavam madeiras ilegais para fora do país.
Ao longo dos mais de 500 anos, a Republiqueta Federativa do Brasil, não conseguiu preencher como lacunas básicas das desigualdades sociais e, por conseqüência, não trabalhará uma maior conscientização e educação de seus cidadãos, quando o assunto é meio ambiente. Percebe-se uma inércia, juntamente com o falso moralismo do executivo, judiciário e legislativo, que muito se diz preocupado, mas pouco faz para reverter a situação socioambiental, ao qual se encontra o país.
Diante dos fatos expostos, o Ministério do Meio Ambiente, em conjunto com a Polícia Federal, nos atributos de seus poderes, deverâo reforçar as fronteiras brasileiras, com operações que rebusquem, contudo, os principais compradores e financiadores desse mercado ilegal. Portanto, uma missão investigativa é necessária, e o Ministério do Meio Ambiente, deve assim, mapear as florestas brasileiras, fiscalizando e repassando ao comando geral da Polícia Federal, que tomará suas devidas incursões a fim de prender e posteriormente penalizar os infratores.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Saúde Pública no Brasil

OLÁ! Tudo bem? Espero que seu dia estej[…]

3m1ly aaah muito obrigada pela correç&ati[…]

Consumismo no Brasil

Eraldonunes eurodrigo Gi69 Anne24 Lol[…]

Jean Jaques Rosseau, filósofo iluminista, a[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM