Por Anne24
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#78183
Scott Westerfeld retrata na obra "Feios" uma sociedade dividida entre "feios" e "perfeitos", na qual, feios são as pessoas com fatores biológicos normais até os 16 anos. A partir disso, elas passam por procedimentos cirúrgicos para se tornarem perfeitas, tanto mental quanto fisicamente, e essa inserção de um modelo estético resultou em problemas de autoestima da protagonista Tally, que começa a desejar cada vez mais ser uma "Perfeita". Em paralelo com a ficção, a busca por padrões de beleza idealizados tem decorrido no desenvolvimento de transtornos alimentares e distorção de imagem.


Precipuamente, cabe ressaltar o aumento de distúrbios alimentares como consequência da beleza ideal. Nesse viés, desde a Grécia Antiga a população é obstinada por enaltecer a estrutura física de homens e mulheres, tendo em vista um protótipo. Assim, o molde do corpo é de longa data e com os avanços em procedimentos estéticos se tornou um óbice mais complexo, visto que, problemas alimentares como a anorexia e a bulimia têm acrescido, por causa do anseio em se encaixar no modelo social e não engordar faz com que a pessoa não se alimente, ou até mesmo provoque o vômito. Logo, é imprescindível que esse cenário seja revertido.

Ademais, é fulcral salientar que a padronização do corpo humano resulta na distorção de imagem. Nesse contexto, o célebre escritor Vinícius de Moraes afirma: "As feias que me perdoem, mas beleza é fundamental". Em razão de pensamentos estereotipados como esse, as pessoas distorcem a sua aparência física por não se encaixarem em um padrão idealizado e desse modo, se escondem em roupas largas, já que suas autoestima é destruída e se sentem inferiores aos demais indivíduos em virtude de não ser "magro o suficiente" ou "alto o
bastante". Depreende-se então, que a banalização de um padrão de beleza não respeita as diferenças físicas dos seres humanos.


Infere-se, portanto, a necessidade de combater os obstáculos supracitados. Para isso, é indispensável que a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) - órgão do Ministério das Comunicações responsável pelas mídias -, regule as propagandas de adoção de padrões estéticos por meio de maior rigidez com a intervenção de multas, bem como, o Ministério da Saúde deve fomentar palestras explicando sobre os perigos de distúrbios alimentares por intermédio de psicólogos, com o fito de promover a diversidade das aparências. Somente assim, o universo distópico retratado por Westerfeld não se fará presente na realidade brasileira.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

Avatar do usuário
Por anaclaradll
Tempo de Registro Quantidade de postagens Amigos
#78194
Na minha opinião, a sua redação está impecável. Mas, por via das dúvidas, sugiro que solicite uma segunda correção, a opinião de mais alguém!

Parabéns mesmo, eu acredito que o texto está super completo e bem estruturado em todos os sentidos.

Lembre-se sempre: uma nota não te define. Força e siga em frente. Estamos juntos nessa!
0
Avatar do usuário
Por thayolivb
Quantidade de postagens
#78219
Bom dia, @Anne24 ! Segue correção

Scott Westerfeld retrata na obra "Feios" uma sociedade dividida entre "feios" e "perfeitos", na qual, feios são as pessoas com fatores biológicos normais até os 16 anos. A partir disso, elas passam por procedimentos cirúrgicos para se tornarem perfeitas, tanto mental quanto fisicamente, e essa inserção de um modelo estético resultou em problemas de autoestima da protagonista Tally, que começa a desejar cada vez mais ser uma "Perfeita". Em paralelo com a ficção, a busca por padrões de beleza idealizados tem decorrido no desenvolvimento de transtornos alimentares e distorção de imagem.


Precipuamente, cabe ressaltar o aumento de distúrbios alimentares como consequência da beleza ideal. Nesse viés, desde a Grécia Antiga a população é obstinada por enaltecer a estrutura física de homens e mulheres, tendo em vista um protótipo. Assim, o molde do corpo é de longa data e com os avanços em procedimentos estéticos se tornou um óbice mais complexo, visto que, problemas alimentares como a anorexia e a bulimia têm acrescido, por causa do anseio em se encaixar no modelo social e não engordar faz com que a pessoa não se alimente, ou até mesmo provoque o vômito. Logo, é imprescindível que esse cenário seja revertido.

Ademais, é fulcral salientar que a padronização do corpo humano resulta na distorção de imagem. Nesse contexto, o célebre escritor Vinícius de Moraes afirma: "As feias que me perdoem, mas beleza é fundamental". Em razão de pensamentos estereotipados como esse, as pessoas distorcem a sua aparência física por não se encaixarem em um padrão idealizado e desse modo, se escondem em roupas largas, já que suas autoestima é destruída e se sentem inferiores aos demais indivíduos em virtude de não ser "magro o suficiente" ou "alto o
bastante". Depreende-se então, que a banalização de um padrão de beleza não respeita as diferenças físicas dos seres humanos.


Infere-se, portanto, a necessidade de combater os obstáculos supracitados. Para isso, é indispensável que a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) - órgão do Ministério das Comunicações responsável pelas mídias -, regule as propagandas de adoção de padrões estéticos por meio de maior rigidez com a intervenção de multas, bem como, o Ministério da Saúde deve fomentar palestras explicando sobre os perigos de distúrbios alimentares por intermédio de psicólogos, com o fito de promover a diversidade das aparências. Somente assim, o universo distópico retratado por Westerfeld não se fará presente na realidade brasileira.

Sugestão 1 - "Em um modelo"
Sugestão 2 - "uma das"
Sugestão 3 - No primeiro período da introdução foi usada a palavra "feio" 3 vezes, tente substituir por outros termos para que não seja repetitivo.
Erro 4 - "tem decorrido" significa algo que passou (como tempo), sugiro usar "tem repercutido" ou "tem gerado"
Erro 5 - A introdução carece de tese. Nesse caso, do repertório você pulou pras enumerações do D1 e D2, mas como a redação do enem é uma dissertação argumentativa, é preciso evidenciar as marcas de opinião no texto, por isso é necessário deixar pelo menos uma frase na introdução, após o repertório, para a tese.
Erro 6 - vírgula depois de "Antiga"
Erro 7 - a construção "obstinada por" não é adequada. Sugiro que você use "a população se mostra obstinada, uma vez que enaltece incansavelmente a estrutura física de homens e mulheres"
Erro 8 - "tendo em vista" não é o conectivo correto, sugiro "baseando-se em" ou "comparando-os a um protótipo"
Erro 9 - Expressão deve estar separada por vírgula
Erro 10 - período demasiadamente grande. Sugiro que use ponto final + conectivo e continue a partir daí a explicar o que é anorexia e bulimia, do contrário seu texto pode ficar confuso e perder a coesão.
Erro 11 - A última frase é para que você problematize e relacione a situação, falar de maneira vaga que o problema precisa ser resolvido é redundância pois isso é implícito (uma vez que a redação pressupõe uma proposta de intervenção). Ou seja, não faz diferença se a frase estiver ou não aí, sugiro que você nem use, assim poderá aproveitar as linhas.
Erro 12 - Ainda sobre o D1, seu parágrafo carece de repertório pertinente. Eu entendo que você se referiu à Grécia, porém só mencionar o momento histórico não prova sua tese de que naquela época era enaltecido o físico das pessoas. O que provaria sua tese? as pinturas e esculturas feitas na época, por exemplo, que representavam corpos sinuosos. Ou os Deuses que eram concebidos à imagem e semelhança dos humanos.
Erro 13 - Esses
Erro 14 - "desse modo" deve estar separado por vírgula
Erro 15 - não serem
Erro 16 - Período muito grande, não use tantas vírgulas e sim ponto final + conectivo para que a frase seja menor e mais clara, objetiva.
Erro 17 - suponho que você quis dizer "a instauração", pois banalização é o oposto do que você sustentou durante o D2, tem sentido de "não dar importância"
Erro 18 - Sua proposta de intervenção não contém os 5 elementos. Na primeira proposta falta finalidade e na segunda falta detalhamento. Quando usar 2 propostas, pelo menos uma delas deve estar completa.
Erro 19 - Sua conclusão poderia estar melhor alinhada com as ideias desenvolvidas no D1 e D2. A segunda proposta de intervenção é muito pertinente ao problema explicitado do D1 (bulimia e anorexia). Já a primeira proposta de intervenção ficou um pouco solta pois em nenhuma parte do texto você menciona que a mídia é responsável por estabelecer esses padrões estéticos através de propagandas. Você poderia ter dito, ao invés disso, que é importante a "desconstrução social" e assim sua proposta de intervenção ficaria mais coerente com o desenvolvido no D2.
0
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
1038 Exibições
por Leandrooliv
0 Respostas 
169 Exibições
por Bia2201
2 Respostas 
289 Exibições
por Bia2201
9 Respostas 
590 Exibições
por Mylike
0 Respostas 
143 Exibições
por abeatrizz
0 Respostas 
139 Exibições
por arianexv
0 Respostas 
99 Exibições
por loh352
1 Respostas 
99 Exibições
por loh352
3 Respostas 
401 Exibições
por Felipe082
0 Respostas 
108 Exibições
por alunoalmeida

No filme estadunidense "O diabo veste Pra[…]

A Constituição Federal de 1988 asseg[…]

Mylike , bylari , Anna1 , geoca , Higorva[…]

HIV e seus estigmas sociais

C1 - Possui alguns erros quanto ao uso da crase, v[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM