Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#49342
O século XX trouxe inúmeros avanços tecnológicos que impactaram o mundo todo, e um desses avances foi a criação da internet em 1996, nos Estados Unidos, que tinha como função interligar laboratórios de pesquisa. Com a crescente ascensão tecnológica surgiram as redes sociais, e com elas a venerável falta de segurança de dados pessoais dos usuários, que podem ter seus smartphones hackeados, seus dados bancários e também a localização roubados.

Antes de tudo, hackear um celular é considerado invasão de privacidade, e de acordo com o código penal, o invasor pode levar pena de prisão de três meses a um ano, além da multa. Segundo John Lock a privacidade é necessária para a própria liberdade. A pessoa que é exposta na internet tem sua intimidade e seus direitos furtados, e então contradizendo a teoria do filósofo.

Ademais, ainda existe o grande problema do furto de dados bancários e da localização pessoal de usuários das mais diversas plataformas digitais, serem divulgados na mídia. Esses dilemas são mais recorrentes com celebridades, por serem famosos e ricos viram o maior alvo de ataque de hackers, que os intimidam e os coagem atrás de recompensa para a não divulgação dos dados roubados. De acordo com uma pesquisa feita pelo UOL, 20,04% de vazamento de dados ocorre quando alguma informação fica acessível ao público, seja por ter sido mal protegida ou algum hacker ter tido acesso a ela após explorar alguma falha de segurança.

A fim de resolver esse impasse, o Ministério da Justiça e Segurança Pública - MJSP deve criar uma legislação específica para a proteção de dados, que será de suma importância para o desenvolvimento econômico e tecnológico do país, com o objetivo de garantir o direito à privacidade, por meio da aprovação por votos dos deputados e senadores que possam aprovar o projeto de lei proposto. Sendo assim, mantendo a integridade dos dados pessoais de internautas e reduzir os dados estatísticos de vazamento de dados, e desse modo o Brasil será um país melhor e mais evoluído.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Com a chegada da modernização o home[…]

A maioria da população brasileira so[…]

Embora a Constituição Federal de 198[…]

Embora a Constituição Federal de 198[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM