Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#41998
Segundo o escritor brasileiro Monteiro Lobato, “Uma nação se faz com homens e livros”. Tal afirmativa faz-se verdadeira, visto que o acesso à leitura é de fundamental importância para a formação do cidadão crítico. No entanto, os brasileiros não possuem o hábito de ler, seja por falta de incentivo na infância ou também por pouco acesso à educação, devido a situação financeira do indivíduo.

Em primeiro plano, é importante analisar o problema pela sua raíz. Os pais têm papel fundamental na educação dos filhos e, por sua vez, não dão total importância; deixando de lado o ensino através de livros didáticos e literários, optando por ensinar os filhos através da TV e internet. Sob esse viés, segundo os filósofos Theodor Adorno e Max Horkheimer, “a mídia manipula os comportamentos dos indivíduos, visando o lucro”. Aliás, manipular um público infantil é mais fácil. Essa superexposição das crianças à mídia tem como resultado a alienação, que prejudica a formação do senso crítico- essencial para a leitura.

Outrossim, dados estatísticos apontam que 75% da população nunca frequentou uma biblioteca na vida; na maioria dos casos, pela falta de bibliotecas em regiões mais pobres, como em comunidades longe dos grandes centros urbanos, dificultando assim o acesso dos indivíduos. Ademais, o preço dos livros em lojas cresce descontroladamente, diminuindo assim o número de consumidores, e os que não tem uma boa condição financeira, nem ao menos podem desfrutar desses livros.

Torna-se evidente, portanto, que medidas necessárias devem ser tomadas para resolver esse impasse. O Ministério da Educação, em parceria com ONG’s, deverá criar campanhas de doação de livros para as escolas de regiões mais pobres. A fim de incentivar a adoção de leituras habituais sem custo por parte das escolas. O mercado deve criar cupons de desconto para que estudantes paguem só metade do preço por livros, e fazer promoções para as demais camadas da população. É importante também que as famílias incentivem seus filhos desde cedo ao hábito de leitura. Só assim, teremos uma sociedade com pensamentos críticos, grandes vocábulos e com uma imaginação esplêndida.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Sua nota ficou 800! Espero ter ajudado!

A I Revolução Industrial, ocorrida n[…]

Preciso estudar mais o desenvolvimento, estou tend[…]

É modelo ENEM?? GlendaMorais , sim.

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM