Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#59190
Na obra "Utopia", do escritor inglês Thomas More, é retratada uma sociedade perfeita, na qual o corpo social padroniza-se pela ausência de conflitos e problemas. Contudo, o que se observa na realidade é o contrário do que o autor prega, uma vez que a cultura do cancelamento tornou-se pauta na sociedade. Nesse sentido, é lícito afirmar que o prejulgamento social e o individualismo contribuem para a perpetuação desse cenário negativo.
Sob esse viés, é imperioso destacar que essa problemática é fruto do prejulgamento social exercido pela sociedade. Segundo o filósofo inglês, Francis Bacon, o comportamento humano é contagioso, tornando-se enraizado à medida que se reproduz. Essa lógica é comprovada pelo fato de que a sociedade estabeleceu uma espécie de tribunal do cancelamento onde se sentem com autoridade para julgar as ações errôneas de um indivíduo ou empresa, utilizando de atitudes como o discurso de ódio para boicotar os envolvidos e banir a sua participação nas relações sociais. Desse modo, essa prática corrobora para que a pessoa perca laços na sociedade e participações em eventos.
Ademais, a irrefutável influência do individualismo na problemática é um fator que dificulta sua resolução. Nos últimos dias, o ator Wyatt Russell que interpreta o capitão América na série "Falcão e soldado invernal" apagou as suas redes sociais após receber comentários maldosos a respeito do personagem. Pensando nisso, é evidente como o sentimento de individualidade pode ser prejudicial na vida de alguém, pois a pessoa que infere palavras e julgamentos ofensivos contra outra pessoa, não se importa com os efeitos que essas podem implicar na vida do outro. Nesse sentido, a falte de empatia nas discussões sociais, pode se tornar o estopim para algo mais grave.
Portanto, verifica-se a necessidade de ações para resolver esse problema. Para isso, é dever do Ministério da Educação que por, através de parcerias com ONGs humanitárias criem páginas nas redes sociais, com vídeos e documentários no intuito de mostrar para as pessoas as consequências dessa prática tanto na vida de quem pratica, quando na de quem está sendo cancelado. Além disso, esses órgãos devem promover palestras publicitárias sobre os perigos da cultura do cancelamento em escolas, de modo a incentivar os estudantes a se mobilizarem e levarem essas informações para a sociedade. Dessa maneira, tais ações contribuem para que a realidade seja a mesma que a descrita por More.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#59194
Bom dia, seu texto está muito bem desenvolvido. Parabéns. Só vou colocar aqui um ponto q vc pode ajeitar.

Na sua conclusão, vc escreve bem assim: Portanto, verifica-se a necessidade de ações para resolver esse problema. Para isso, é dever do Ministério da Educação que por, através (só essa parte ficou repetitiva, mas não é nada q diminua sua nota) de parcerias com ONGs humanitárias criem páginas nas redes sociais, com vídeos e documentários no intuito de mostrar para as pessoas as consequências dessa prática tanto na vida de quem pratica, quando na de quem está sendo cancelado. Além disso, esses órgãos devem promover palestras publicitárias sobre os perigos da cultura do cancelamento em escolas, de modo a incentivar os estudantes a se mobilizarem e levarem essas informações para a sociedade. Dessa maneira, tais ações contribuem para que a realidade seja a mesma que a descrita por More.

NathaliaLima , olá, boa-noite! irei corrig[…]

Anninha , olá, boa-noite! irei corrigir su[…]

A vocação para o mercado de trabalho[…]

MoniqTorres , olá, boa-noite! posso corrig[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM