• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#56578
De acordo com a Constituição Federal de 1988 em seu ART. 144°, diz que é dever o Estado garantir a segurança pública bem como é responsabilidade de todos os cidadãos. Todavia, não é isso que observa ao analisamos o atual cenário do nosso país quando o assunto é as mortes por intervenção policial. Nesse sentido, vale destacar que uma de suas causas que é a omissão do poder público ou ações e operações desorganizados.
Em primeiro plano, é preciso analisar como os direitos elencados na Carta Magna não estão sendo cumpridos devido à omissão do Governo em relação as mortes cometidas por policias.Nesse viés, pode-se analisar que o Estado falha.Em relação a isso, podemos citar péssimas qualidades de serviço que os profissionais da segurança estão submetidos com péssimos salários, má infraestrutura de trabalho,como também, problemas psiquiátricos advindos da profissão, esses problemas influe diretamente do serviço e nas operações em periferias, aumentando o índice de homicídios contra negros e brancos.
Por conseguinte,deve-se analisar no contexto atual que não só a polícia é "o Vilã da história",mas também a população.Nesse aspecto, pode-se observar que os cidadãos,principalmente,nas comunidades não colabora com a atuação da polícia,uma vez que o tráfico impera ali, por meio de facções criminosas e ameaças contantes a esses indívuduos. Além disso, as ações policiais más organizadas por parte as instituições da segurança pública e falha nas investigações e atuação.
Portanto, é imperativo que o Governo Federal,por meio das secretaris de segurança pública dos Estados imponham os direitos constitucionais as classes mais vulneráveis ( a população negra da periferia que em sua maioria é vítima de homicídio por parte de agentes de segurança), ademais, a comunidade deve atuar de forma conjunta com os órgãos de segurança pública afim de dirimir conflitos e diminuir as mortes no Brasil.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

#56655
De acordo com a Constituição Federal de 1988 em seu artigo 144, diz que é dever do Estado garantir a segurança pública, bem como é responsabilidade de todos os cidadãos. Todavia, não é isso que observa ao analisamos < não pode usar 1ª pessoa] o atual cenário do nosso país quando o assunto são as mortes por intervenção policial. Nesse sentido, vale destacar que uma de suas causas que é a omissão do poder público ou ações e operações desorganizadas.

Em primeiro plano, é preciso analisar como os direitos elencados na Carta Magna não estão sendo cumpridos devido à omissão do Governo em relação as mortes cometidas por policias .Nesse viés, pode-se analisar que o Estado falha. Em relação a isso, podemos citar a péssimas qualidades serviço que os profissionais da segurança por estar submetidos a péssimos salários < trecho confuso], má infraestrutura de trabalho, como também, problemas psiquiátricos advindos da profissão, esses problemas influe diretamente do serviço e nas operações em periferias, aumentando o índice de homicídios contra negros e brancos.

Por conseguinte, deve-se analisar no contexto atual que não só a polícia é "o Vilã da história", mas também a população. Nesse aspecto, pode-se observar que os cidadãos, principalmente, nas comunidades não colaboram com a atuação da polícia, uma vez que o tráfico impera ali, por meio de facções criminosas e ameaças constantes a esses indivíduos. Além disso, as ações policiais más organizadas por parte as instituições da segurança pública e falha nas investigações e atuação.
* Precisa organizar melhor suas ideias na estrutura do desenvolvimento: apresentar o argumento + repertório (fugir do senso comum, traga dados ou citação, até de lei para comprovar o seu argumento) + argumentação impessoal (não pode escrever em 1ª pessoa) + arrematação (finalizar o parágrafo e a sua argumentação)
* Também precisa se expressar melhor, mais atenção na pontuação, concordância e coerência do que escreve


Portanto, [faltou arrematar o tema aqui] é imperativo que o Governo Federal, por meio das secretarias de segurança pública dos Estados imponham < impor como? fazendo o que pra isso? deveria explicar, não generalize assim] os direitos constitucionais as classes mais vulneráveis (a população negra da periferia que em sua maioria é vítima de homicídio por parte de agentes de segurança) < evite usar parênteses, prefira traços], ademais, a comunidade deve atuar de forma conjunta com os órgãos de segurança pública a fim de dirimir conflitos e diminuir as mortes no Brasil.

Espero ter ajudado! :D
#56718
@Josimar, para o enem a nota não seria muito boa, porque não apresentou uma intervenção completa (agente + ação + meio + finalidade + detalhamento), na conclusão você apresenta duas ações, teria que reescrever para moldar melhor na estrutura e apresentar todos os elementos.

No concurso público não precisa de uma intervenção com os elementos de enem, uma solução está bom. Mas você perderia muitos pontos por causa dos erros de estrutura, ortografia, sintaxe... Teria que melhorar a coerência do que escreve.
Não saberia dar uma nota exata, mas acredito que não ficaria na média :(
#56853
É indiscutível que o cuidado com a saúde física e mental no dia a dia é imprescindível para o desempenho satisfatório das tarefas diárias, bem como, aumenta o desempenho no trabalho.Todavia, pode-se observar um alto Índice de obesidade no país. Assim faz-se necessário atentar à causas dessa problemática, bem como é válido discorrer sobre os benefícios de praticar atividades físicas pela sociedade em geral.
Em primeiro plano, pode-se observar que é divulgado regulamente pela mídia que o Brasil é um dos países com alto Índice de obesidade entre adultos e crianças.Nesse sentido,vale destacar que um dos motivos da obesidade em adultos é devido à falta de conciliar o tebalho à prática de atividades físicas.Em consonância a isso, indíviduo além de adquirir doenças advinda a falta de exercícios, pode por exemplo, ter disfunções , falta de atenção e problemas cardíacos, bem como isso influencia diretamente no desempenho diário de trabalho, até mesmo nas tarefas domésticas.
Por conseguinte, vale destacar que a prática de atividades físicas é fundamental para a boa relação físico-mental com o tebalho.Nesse viés, os médicos das áreas da saúde fiísica e mental aponta que a pessoa que pratica atividades físicas,pelo menos três vezes por semana, e se alimenta bem, tende a ser mais eficiente e tem um melhor desempenho no trabalho e nas suas funções diárias, por exemplo. Assim a prática de atividades físicas aliadas à boa alimentação é de suma importância para a população do país.
Portanto, vale destacar que a obesidade é um problema sério no país, porém as atividades físicas são imprescindíveis à boa saúde população. Assim, é imperativo que o Governo juntamente com as empresas do setor Público-Privado incentivem as atividades físicas através de palestras e flexibilidade de horários. Dessa forma, os benefícios são mútuos. ( Essa redação trata-se do TEMA : O CUIDADO COM O CORPO E AS RELAÇÕES COM O TRABALHO), GOSTARIA QUE AVALIASSE COMO SE FOSSE PRA CONCURSO NORMAL ENTENDEU . SEM OS CRITÉRIOS DO ENEM, ELE É MUITO ESPECÍFICO.

Aqui está a minha análise da sua r[…]

Ficou espetacular! :) Muito obrigado!!

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM