Avatar do usuário
Por Anajulia66
Quantidade de postagens
#93810
A sociedade brasileira ainda desconhece amplamente o HIV e a AIDS. Atualmente, o Brasil ocupa o segundo lugar em número de infecções com 25%. Segundo dados da OMS, o Brasil responde por 11% do total de países das Américas afetados pela AIDS. Esses números são alarmantes considerando o tamanho, a riqueza e a força econômica do Brasil. Algumas dessas atitudes estigmatizantes decorrem de preconceitos contra homossexuais, lésbicas, traficantes, crianças de rua, profissionais do sexo, travestis, criminosos e outros grupos marginalizados. A sociedade muitas vezes vê o HIV/AIDS como um castigo pelos pecados cometidos, em vez de ver a doença como um problema de saúde pública.

Segundo Freddie Mercury, em véspera de sua morte, admitiu em uma declaração pública que era soropositivo. Exclamou a todos que não teria contado antes para proteger a privacidade de seus entes queridos, finalizou se referindo a sua AIDS como "doença terrível". O estigma do HIV está relacionado à percepção e atitudes dos grupos em relação aos membros desses grupos. Assim, algumas práticas estigmatizadas incluem discriminação contra essas pessoas em relação a oportunidades de emprego, opções de moradia, serviços educacionais, cobertura de seguro, status de imigração, tratamento médico, transporte público, direitos de voto e muitos outros assuntos que afetam as pessoas infectadas com HIV/AIDS.

HIV significa Vírus da Imunodeficiência Humana. Esta doença afeta as células do sistema imunológico chamadas células CD4 e destrói a capacidade do corpo de combater infecções e doenças. A relação heterossexual entre adolescentes de 15 a 19 anos está associada ao alto risco de contrair o vírus por meio de sexo com múltiplos parceiros, uso de drogas, transfusão e compartilhamento de lâminas de barbear.

Pesados ​​todos os argumentos, é bem possível chegarmos à conclusão de que o combate ao preconceito social contra as pessoas que vivem com AIDS representa uma meta digna e que merece atenção especial. Pois garantir o bem estar/ saúde/ segurança/ educação da população, é garantir a ordem e o progresso da nação.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
3068 Exibições
por nubnd
0 Respostas 
6281 Exibições
por yasz
0 Respostas 
1122 Exibições
por AndreLuis99
0 Respostas 
20 Exibições
por dry12
1 Respostas 
8058 Exibições
por bobtotoso1
0 Respostas 
1815 Exibições
por ritaventura
0 Respostas 
830 Exibições
por anacrochap
1 Respostas 
1800 Exibições
por natalia10
0 Respostas 
484 Exibições
por Laryssasouza
3 Respostas 
2111 Exibições
por EmillyySilva

Muito bom, da uma olhada nas redaçõe[…]

Ao afirmar em sua célebre canç&atild[…]

O debate

Em 2021, o famoso cantor sertanejo, Zé Neto[…]

Desastres Ambientais

Greta Thunberg é uma jovem ativista que lut[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM