• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#64513
O Big Brother Brasil 20 - a mais recente edição do "reality show" brasileiro - trouxe o ator Fiuk como participante, o qual se mostrou uma pessoa viciada no consumo de cigarro. Fora das telas, essa é a realidade de muitos brasileiros fumantes, que também criaram uma dependência prejudicial à saúde, muitas vezes, assim como o "brother", desde jovens - o que é um problema. Por isso, cabe a discussão a respeito do combate ao tabagismo no Brasil, baseada na validade do bom uso da mídia, bem como acompanhamento familiar.

Nesse sentido, é viável pensar em como a mídia impacta nesse problema. A esse respeito, a influenciadora Andressa Catty - muito seguida no Tik Tok - produz transmissões ao vivo para milhares de pessoas, nas quais aparece constantemente com um cigarro em mãos. Desse modo, o papel do "digital influencer" torna-se um combustível para o uso desse tipo de substância, já que a maioria desse público é composto por jovens que se espelham nos seus ídolos. Ainda assim, a própria mídia televisiva, por meio de novelas e filmes, expõe esse consumo, normalmente, com feitio positivo e comum, o que agrava, também, tal influência negativa. Logo, o entretenimento transfigura-se maleficente.

Ademais, vale ressaltar o acompanhamento familiar como um fator importante para o combate ao tabagismo. Nesse viés, em uma matéria da Agência Universitária de Notícias da USP, foi divulgada a porcentagem dos fumantes nacionais que iniciaram a prática antes da maioridade: 80%. Então, diante de dados alarmantes como esse, é importante entender que a falta de uma boa influência doméstica, bem como a despreocupação dos devidos responsáveis contribui para tais estatísticas, afinal, a convivência externa nem sempre será um bom exemplo. Assim, por conta dessa negligência dentro de casa, além do ingênuo pensamento juvenil, os jovens tornam-se o maior alvo desse vício, o sustentando durante anos. Dessa maneira, o combate em questão perde a eficiência.

Dessarte, medidas devem ser tomadas como solução da problemática. Portanto, o Ministério da Saúde, aliado aos da Educação e Comunicações, precisa promover a campanha "O Fumo: a gradativa morte debaixo do seu nariz", por meio de organizados conteúdos midiáticos oficiais (destinados, principalmente, ao público adulto de nicho familiar) que espalhem, assertivamente, os danos do tabaco à saúde populacional e, também, por intermédio da censura do seu uso nas redes sociais. À vista disso, com base no sucesso do fito de atenuar a falta de acompanhamento familiar e, sobretudo, a influência corrosiva da mídia, os brasileiros afastar-se-ão da nociva realidade vivenciada por Fiuk.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 195

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 197

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 193

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 194

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 197

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#64515
Olá, corretorxs queridxs. Poderiam dar uma olhada quando possível?

@Flaviaa, @Helenamora, @Ashiley, @jherodrigues, @3m1ly+...

Aguardo pelos seus belíssimos comentários construtivos! Um abraço, meninas! *Me arrisco em dizer que todas são meninas, né? :lol:
#64531
Olha... sinceramente? Não tenho o que falar kkkkkk. Eu adorei a sua redação, de verdade! Amei o uso do BBB (menos do Fiuk. Cá entre nós, ele é nojento :lol: brincadeiraa) e da Andressa (sigo ela no Tik Tok e, realmente, isso acontece :P). Adorei, além disso, que você trouxe uma proposta com autoria, o que deixou o seu texto ainda melhor. Sério, não observei nenhum ponto negativo.

Você pôs a retomada da problemática na conclusão e moderou no uso das vírgulas (o que nem era tãaao necessário). Enfim, está muito boa mesmo!

Parabéns! O 1000 vem, com certeza! :D
#64540
Helenamora escreveu:Olha... sinceramente? Não tenho o que falar kkkkkk. Eu adorei a sua redação, de verdade! Amei o uso do BBB (menos do Fiuk. Cá entre nós, ele é nojento :lol: brincadeiraa) e da Andressa (sigo ela no Tik Tok e, realmente, isso acontece :P). Adorei, além disso, que você trouxe uma proposta com autoria, o que deixou o seu texto ainda melhor. Sério, não observei nenhum ponto negativo.

Você pôs a retomada da problemática na conclusão e moderou no uso das vírgulas (o que nem era tãaao necessário). Enfim, está muito boa mesmo!

Parabéns! O 1000 vem, com certeza! :D
Poxa, fico muito feliz! Grato pelos comentários! Vou seguir no aguardo do restante das meninas, para ver se alguma delas têm objeções a fazer. :roll:

Obrigado, @Helenamora! :D
#64559
Oi, @eurodrigo. Então, li sua redação e está impecável, mas percebi duas coisinhas bem simples:

"[...] baseada na validade do bom uso da mídia, bem como do acompanhamento familiar." Nesse trecho acredito que o uso do "do" cai melhor!

"[...] Dessarte, medidas devem ser tomadas como solução da problemática. Portanto, o Ministério da Saúde, aliado aos da Educação e Comunicações [...]" Já aqui não sei se é um problema, mas "dessarte" e "portanto" significam ambos uma ideia de conclusão. Logo, como você usou "dessarte" para iniciar, no lugar de portanto poderia usar "para isso". Assim, evita esse uso muito próximo de conectivos que tem sentidos iguais.

Foram duas coisas bem simples, talvez até insignificantes, mas sempre é bom ficar atento a detalhes já que as vezes fazem bastante diferença. Sobre a redação em um todo, ótima como sempre... muito boa mesmo, parabéns! :D
#64565
Ashiley escreveu:Oi, @eurodrigo. Então, li sua redação e está impecável, mas percebi duas coisinhas bem simples:

"[...] baseada na validade do bom uso da mídia, bem como do acompanhamento familiar." Nesse trecho acredito que o uso do "do" cai melhor!

"[...] Dessarte, medidas devem ser tomadas como solução da problemática. Portanto, o Ministério da Saúde, aliado aos da Educação e Comunicações [...]" Já aqui não sei se é um problema, mas "dessarte" e "portanto" significam ambos uma ideia de conclusão. Logo, como você usou "dessarte" para iniciar, no lugar de portanto poderia usar "para isso". Assim, evita esse uso muito próximo de conectivos que tem sentidos iguais.

Foram duas coisas bem simples, talvez até insignificantes, mas sempre é bom ficar atento a detalhes já que as vezes fazem bastante diferença. Sobre a redação em um todo, ótima como sempre... muito boa mesmo, parabéns! :D
Ótimas observações (como sempre), Ash! De fato, concordo com ambas, por mais que o "do" esteja oculto na 1ª, o que acaba não fazendo muita diferença enquanto sentido. Entretanto, em relação à segunda, realmente, não tinha percebido. Valeu pelo feedback, de verdade. :D
#64580
eurodrigo escreveu:
Ashiley escreveu:Oi, @eurodrigo. Então, li sua redação e está impecável, mas percebi duas coisinhas bem simples:

"[...] baseada na validade do bom uso da mídia, bem como do acompanhamento familiar." Nesse trecho acredito que o uso do "do" cai melhor!

"[...] Dessarte, medidas devem ser tomadas como solução da problemática. Portanto, o Ministério da Saúde, aliado aos da Educação e Comunicações [...]" Já aqui não sei se é um problema, mas "dessarte" e "portanto" significam ambos uma ideia de conclusão. Logo, como você usou "dessarte" para iniciar, no lugar de portanto poderia usar "para isso". Assim, evita esse uso muito próximo de conectivos que tem sentidos iguais.

Foram duas coisas bem simples, talvez até insignificantes, mas sempre é bom ficar atento a detalhes já que as vezes fazem bastante diferença. Sobre a redação em um todo, ótima como sempre... muito boa mesmo, parabéns! :D
Ótimas observações (como sempre), Ash! De fato, concordo com ambas, por mais que o "do" esteja oculto na 1ª, o que acaba não fazendo muita diferença enquanto sentido. Entretanto, em relação à segunda, realmente, não tinha percebido. Valeu pelo feedback, de verdade. :D
Por nada :D
#64587
Lol! Que orgulho conseguir um 1000 seu, @francis! Grato pela leitura e pontuação! :o
Ps.: parabéns pela plataforma. :D

Muito se tem discutido, recentemente, acerca das d[…]

nycolas2005 , muito obrigada, fico feliz pela cor[…]

Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio &aacu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM