• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#74115
A constituição Federal de 1988, o documento jurídico mais importante do país, garante um corpo social justo e uma vivência digna a toda população brasileira. No entanto, essas práticas não vêm sendo aplicadas corretamente quando se observa o assédio moral no ambiente de trabalho. Nesse âmbito, questões como humilhação e o excesso de trabalho devem ser colocadas em debate na discussão desse problema.

Em primeira análise, destaca-se o desrespeito que os funcionários são submetidos a passar por seus chefes ou pelo seus colegas. Essas ações prejudicam bastante a vida dessas pessoas causando problemas para sua saúde mental. Segundo Djamila Ribeiro, escritora brasileira, afirma que "Para atuar sobre um problema, é preciso tira-lo da invisibilidade". Partindo desse pensamento nota-se que para o assédio moral se tornar uma mazela passada na sociedade brasileira, é preciso que as vítimas lutem para quebrar esse silêncio que existe. Dessa forma, essa ação poderia ser um dos primeiros passos para reverter esse cenário de menosprezo.

Ademais, vale ressaltar o excesso de trabalho que não maioria das situações faz com que o indivíduo trabalhe o dobro da sua carga horária. Desse modo, o empregado faz mais serviços e ganha pouco por eles. Além disso, percebe-se a insuficiência estatal em reforçar leis para combater o abuso de poder das empresas com seus funcionários, que precisa ser resolvido com as autoridades.

Portanto, medidas seriam essenciais para solução dessa problemática. Cabe ao Ministério do Trabalho criar leis mais eficientes em relação ao assédio moral. Também, criar projetos palestras nas empresas, para proporcionar mais conhecimento às pessoas e que o ambiente de serviço seja um lugar melhor. Dessa forma, todos os cidadãos poderão desfrutar de seus direitos consolidados na constituição de 1988.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

#74125
:arrow: TEMA
:arrow: TESE
:arrow: CONTEXTUALIZAÇÃO

A Constituição Federal de 1988, o documento jurídico mais importante do país, garante um corpo social justo e uma vivência digna a toda população brasileira. No entanto, essas práticas não vêm sendo aplicadas corretamente quando se observa o assédio moral no ambiente de trabalho. Nesse âmbito, questões como humilhação e o excesso de trabalho devem ser colocadas em debate na discussão desse problema.

🖤𝘋𝘦𝘴𝘦𝘯𝘷𝘰𝘭𝘷𝘪𝘮𝘦𝘯𝘵𝘰🖤0.1🖤

:arrow: TÓPICO FRASAL
:arrow: CONTEXTUALIZAÇÃO
:arrow: ARGUMENTAÇÃO
:arrow: ARREMATAÇÃO


Em primeira análise, destaca-se o desrespeito que os funcionários são submetidos a passar por seus chefes ou pelo seus colegas. Essas ações prejudicam bastante a vida dessas pessoas causando problemas para sua saúde mental. Segundo Djamila Ribeiro, escritora brasileira, afirma que "Para atuar sobre um problema, é preciso tira-lo da invisibilidade". Partindo desse pensamento nota-se que para o assédio moral se tornar uma mazela passada na sociedade brasileira, é preciso que as vítimas lutem para quebrar esse silêncio que existe. Dessa forma, essa ação poderia ser um dos primeiros passos para reverter esse cenário de menosprezo.


·.¸¸.·♩♪♫ Desenvolvimento 0.2 ♫♪♩·.¸¸.·

  • :arrow: HOUVE FALTA DE CONTEXTUALIZAÇÃO :?

Ademais, vale ressaltar o excesso de trabalho que não maioria das situações faz com que o indivíduo trabalhe o dobro da sua carga horária. Desse modo, o empregado faz mais serviços e ganha pouco por eles. Além disso, percebe-se a insuficiência estatal em reforçar leis para combater o abuso de poder das empresas com seus funcionários, que precisa ser resolvido com as autoridades.

꧁ঔৣ☬✞ Conclusão ✞☬ঔৣ꧂

:arrow: AGENTE✅
:arrow: EFEITO ❰✅
:arrow: MODO ❰❌
:arrow: AÇÃO ❰✅
:arrow: DETALHAMENTO ❰❌

Portanto, medidas seriam essenciais para solução dessa problemática. Cabe ao Ministério do Trabalho criar leis mais eficientes em relação ao assédio moral. Também, criar projetos palestras nas empresas, para proporcionar mais conhecimento às pessoas e que o ambiente de serviço seja um lugar melhor. Dessa forma, todos os cidadãos poderão desfrutar de seus direitos consolidados na constituição de 1988.
Saúde Pública no Brasil

OLÁ! Tudo bem? Espero que seu dia estej[…]

3m1ly aaah muito obrigada pela correç&ati[…]

Consumismo no Brasil

Eraldonunes eurodrigo Gi69 Anne24 Lol[…]

Jean Jaques Rosseau, filósofo iluminista, a[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM