• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#64986
Há 30 anos foi desenvolvido o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), esse estatuto estabelece direitos fundamentais para essa parte da sociedade, de modo que se sintam mais seguros. Contudo, existem situações que as crianças e os adolescentes são expostos a perigos, exemplo disso é a prática de atos sexuais com crianças, que ainda permanece em crescimento no dia a dia dos brasileiros. Crianças que fazem uso da internet sem supervisão de um adulto tem maior possibilidade de serem vítimas de um caso de pedofilia. Desse modo, caminhos para o combate a essa problemática devem ser melhor solucionados por agentes responsáveis.
A priori, é possível notar que nos dias atuais um dos passatempos preferidos das crianças são os celulares, por possibilitar a um leque de atividades como, jogos e vídeos. Esses eletrônicos podem até ser um “salva vidas” para os responsáveis, por outro lado, precisa de uma supervisão dos mesmos tendo em vista que a internet pode ser maléfica. Segundo o promotor da vara da infância e juventude, os casos de pedofilia pela internet têm aumentado cerca de 190% no período de pandemia. Portanto, essa responsabilidade dos responsáveis legais por menores de 18 anos devem ser mais rígidas, afim de que sejam evitados casos como esses.
Outrossim, além desses casos de pedofilia por pessoas desconhecidas na internet, há também as situações em que as crianças são sujeitas à abusos sexuais por pessoas próximas e familiares. No momento pandêmico que o país está passando, a permanência das pessoas dentro de casa intensifica nos casos de pedofilia. Nessa circunstância é ainda pior, visto que as crianças não veem maldade em tal pessoa por ser conhecida e de “confiança” da família. Além de, por muitas vezes, as vítimas têm medo de pedir ajuda por ameaça do pedófilo ou por não saber se vão acreditar na sua palavra. Assim, as crianças precisam ter conhecimento de onde pedir ajuda em órgãos governamentais, como polícia local ou o Disque 100.
Mediante o exposto, os caminhos para combater a pedofilia são muitos, porém ainda não tão eficazes no país. Faz-se necessário que o ECA, juntamente com os responsáveis legais pelas crianças e adolescentes, apresentem aos mesmos como tentar se defender e onde pedir ajuda em casos de abusos sexuais, por meio de campanhas ou vídeos interativos que mostrem essas informações que possam ficar gravadas nas mentes das crianças. Concomitantemente, assim como a plataforma do Youtube que criou o Youtube Kids com o objetivo de apenas vídeos infantis sejam sugeridos, outras plataformas digitais devem adquirir a mesma ideia, afim de que as crianças não sejam tão expostas a conteúdos inapropriados para sua idade. A partir dessas medidas, os acontecimentos supracitados não mais representarão grande aumento na sociedade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

Felipe082 cassiahso chihirukiki vitoriac[…]

╭──────────────╯ ✍ ⌕ 𖨂 Correção d[…]

A cultura de assédio no Brasil

No livro “50 tons de cinza” é a[…]

joenir jheromagnoli cassiahso Higorrair

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM