Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#53458
De acordo com os dados divulgados pelo Grupo Gay da Bahia, o número de 343 assasinatos gays vem aumentando. Esses números demostram, que o problema da homofobia está presente de forma complexa na realidade brasileira. A cada 25 horas uma pessoa é vítima de agressões físicas, por ter essas orientações sexuais, levando-as à morte. Nesse contexto, percebe-se a configuração de um grave problema, em virtude do silenciamento e da má influência mediática.
Primeiramente, é preciso salientar que a invisibilização é uma causa latente do problema. Segundo Focault, na sociedade pôs-moderna, muitos temas são silenciados para que estruturas de poder sejam mantidas. Diante disso, verifica-se uma lacuna em torno de debates sobre o combate a homofobia no Brasil, o que contribuí com o aumento da falta de conhecimento da população sobre a questão, tornando sua resolução mais dificultada.
Em segundo plando, outra causa para a configuração do probelma é a má influência mediática. Para Pierre Bourdie, o que foi criado para ser estrurura de democracia não deve ser convertido em mecanismo de opressão. Nessa perspectiva, as mídias de massa contribuí fortemente na construção da homofobia, em torno da repugnância que as pessoas nutrem em relação aos homossexuais, escondendo todo e qualquer preconceito através do ódio.
Portanto, uma intervenção faz-se necessária. Para isso, a comunidade LGBT em parceria com o Instagram devem criar o " Projeto do Bem", por meio de transmissões ao vivo com influenciadores. No entanto, é necessário rodas de conversas em períodos contraturnos com alunos e educadores, para que sirva de incentivo em combater essa terrível homofobia. Tais enventos, devem ser abertos a comunidade, e ainda, ser divulgados por meio de "hashtag" , revertendo assim o silenciamento, a fim de que as pessoas compreendam a importância em combater a homofobia no Brasil. Assim, possivelmente as tantas pessoas que sofrem de agressões verbais e não verbais possam ser respeitadas devidamente.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Felipe082 , o material são as vozes da m[…]

No filme " Busca Implacável" &eac[…]

No artigo 1° da Declaração Unive[…]

Segundo a Constituição da Repú[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM