Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#52201
"É proibido fumar, diz o aviso que eu li. É proibido fumar", esse é o trecho da canção "É proibido fumar" de Roberto Carlos, em referência da ampla divulgação no combate do consumo ao tabaco. De maneira análoga a isso, os desafios para erradicar o tabagismo mostra-se ativamente em campanhas e interdições ao uso, no cotidiano brasileiro. Logo, é necessário a análise das problemáticas, haja vista a glamourização e a sobreposição da mídia ao público jovem, no incentivo aos produtos tabagistas.
Primeiramente, evidência a glamourização ao fumo em contextos históricos, que se perdura até hoje. Desse modo, um dos contextos históricos inseridos a glamourização é em 1980, com propagandas exclusivas para o cigarro, contendo crianças estampadas e celebridades, como, Ayrton Senna adesivando logos de marcas do tabaco na fórmula 1. Assim sendo, a relação do tabagismo um luxo do passado, que aflita a saúde pública até hoje.
Ademais, a mídia audiovisual postula em catálogos com protagonistas tabagistas em filmes e seriados, contendo os jovens como grande público alvo. Em 2017, segundo o estudo da comunidade "Truth Orange" (Verdade laranja) foram contabilizadas 182 cenas em "Stranger Things" e 45 em "Orange is new black", em que aparece personagens fumando. Dessa forma, assistindo as cenas existe a assimilação da prática nociva, como uma normalidade do fumo e perpetuando forte influência jovial na abertura da vida fumista.
Portanto, há necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso é imprescindível que plataformas de "streaming", proponham a amenização de cenas propícias ao estímulo do tabaco ou a fazedura de desfechos expositórios da prejudicialidade do tabagismo ao personagem nesta condição. Em suma, consolidará o "É proibido fumar" no meio audiovisual a intuitividade para as gerações brasileiras conscientes e escassas do tabagismo.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Nos primórdios da evolução da[…]

A violência no Brasil

A violência no Brasil está aumentando[…]

A sociedade e a polícia sempre apresentaram[…]

Um conselho para você, estudante

Jeniffeeee , ke isso, a opinião de qualque[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM