Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#34291
O sedentarismo é a falta, diminuição ou ausência de atividades físicas, e é caracterizado pelo gasto calórico reduzido. Segundo a OMS ( Organização Mundial da Saúde ), a sedentariedade é considerada a quarta maior influência de risco de mortes no mundo e, além disso, esse problema, que é consequência dos avanços tecnológicos, pode causar doenças no corpo e na mente . Sob esse viés, o Brasil precisa encontrar caminhos para o combate ao sedentarismo .

Em primeira análise, a sedentariedade é consequência dos avanços tecnológico. Com base na pesquisa feita pelo IBGE, em 2017, com alta acumulada de 14,8%, a fabricação de veículos automotores contribuiu para o crescimento da população industrial nacional. Diante disso, é conclusivo que a população prefere comprar veículos para se locomoverem ao invés de percorrerem distâncias se exercitando, seja utilizando bicicletas ou praticando caminhadas . Além de automóveis, escadas rolantes de shoppings e elevadores de prédios também são exemplos de confortos que surgiram através dos avanços tecnológicos, mas que tornam uma parcela da população sedentária e dependente do mesmo .

Ademais, o sedentarismo pode causar doenças físicas e mentais . Exercícios físicos são necessários para a saúde, visto que liberam neurotransmissores que são responsáveis para o bem-estar - serotonina e dopamina - e ajudam o corpo a manter o metabolismo e taxas calóricas em proporção. Diante disso, doenças da mente, tais quais depressão e ansiedade, são tratadas de forma mais fácil, e enfermidades do corpo , causadas pela obesidade - diabetes e pressão alta - são combatidas. Contudo, no Brasil, mesmo que o sedentário saiba os riscos de sua atitude preguiçosa, o mesmo, na maioria das circunstâncias, tem dificuldade em se exercitar devido à sociedade capitalista, a qual impede de se ter um tempo maior para lazer e outras atividades, e propicia aos trabalhadores longas jornadas de trabalho. Em suma, vivemos em uma nação pouco preocupada com a saúde de seus cidadãos e mais interessada em resultados e dinheiro .


Portanto, o Brasil precisa de caminhos para o combate ao sedentarismo. Nessa situação, o Ministério da Saúde deve promover palestras educativas aos fins de semana e feriados, por meio de profissionais da saúde- nutricionistas, psicólogos, médicos e enfermeiros-, com a finalidade de conscientizar a população dos malefícios de ser sedentário, e mais ainda, oferecer tratamentos de saúde com consultas gratuitas e, ao fim do mês, promover desafios para cumprir - metas e objetivos estipulados em prol da saúde - com direito a prêmios . Dessa forma, o país poderá diminuir as taxas de sedentarismo e também vai evitar a alta taxa de mortalidade, que foi divulgada pela OMS.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 153

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#37363
Vamos lá @Lebre! :D

Legenda:
ERRO
SUBSTITUIÇÃO/SUGESTÃO
MELHORÁVEL
DESNECESSÁRIO
(IDENTIFICAÇÃO DOS 5 ELEMENTOS)
(MEUS COMENTÁRIOS)
REPETIÇÃO

O sedentarismo é a falta, diminuição ou ausência de atividades físicas, e é caracterizado pelo gasto calórico reduzido. Segundo a OMS ( Organização Mundial da Saúde ), a sedentariedade é considerada a quarta maior influência de risco de mortes no mundo e, além disso, esse problema, que é consequência dos avanços tecnológicos (Por quê?), pode causar doenças no corpo e na mente (Tipo quais?). Sob esse viés, o Brasil precisa encontrar caminhos para o combate ao sedentarismo .
Boa intro, só tente ser mais específica.

Em primeira análise, a sedentariedade é consequência dos avanços tecnológico (Então antes o sedentarismo não existia?). Com base na pesquisa feita pelo IBGE (Explique a sigla), em 2017, com alta acumulada de 14,8%, a fabricação de veículos automotores contribuiu para o crescimento da população industrial nacional. Diante disso, é conclusivo que a população prefere comprar veículos para se locomoverem ao invés de percorrerem distâncias se exercitando, seja utilizando bicicletas ou praticando caminhadas . Além de automóveis, escadas rolantes de shoppings e elevadores de prédios também são exemplos de confortos que surgiram através dos avanços tecnológicos, mas que tornam uma parcela da população sedentária e dependente do mesmo . ("Mesmo" não pode ser usado para fazer retomadas)
Seria um bom desenvolvimento, mas a lógica aqui foi fraca. Normalmente as pessoas compram carros porque moram longe do serviço, porque voltam a noite ou por outro motivo, nem sempre é por preguiça. Essa ideia das escadas e do elevador foi meio absurda né? Imagina uma secretária tendo que subir e descer as escadas várias vezes porque não existe elevadores? Ou uma faxineira tendo que empurrar o seu carrinho por todos os andares, mas fazendo isso pela escada. Enfim, não achei coerente.

Ademais, o sedentarismo pode causar doenças físicas e mentais . Exercícios físicos são necessários para a saúde, visto que liberam neurotransmissores que são responsáveis para o bem-estar - serotonina e dopamina - e ajudam o corpo a manter o metabolismo e taxas calóricas em proporção. Diante disso, doenças da mente, tais quais depressão e ansiedade, são tratadas de forma mais fácil, e enfermidades do corpo , causadas pela obesidade - diabetes e pressão alta - são combatidas. Contudo, no Brasil, mesmo que o sedentário saiba os riscos de sua atitude preguiçosa, o mesmo, na maioria das circunstâncias, tem dificuldade em se exercitar devido à sociedade capitalista, a qual impede de se ter um tempo maior para lazer e outras atividades, e propicia aos trabalhadores longas jornadas de trabalho. Em suma, vivemos em uma nação pouco preocupada com a saúde de seus cidadãos e mais interessada em resultados e dinheiro .
Lembre-se da impessoalidade do texto. Coloque sempre um repertório que condiz com o que você fala, poderia ter caçado algo que comprove se de fato os brasileiros deixam de fazer exercícios pela falta de tempo ou se é preguiça mesmo. Supondo que alguém durma 8 horas por dia e trabalhe 8 horas por dia, ainda assim sobram mais 8 horas, tempo suficiente para alguém se excercitar.

Portanto, o Brasil precisa de caminhos para o combate ao sedentarismo. Nessa situação, o Ministério da Saúde (agente) deve promover palestras educativas aos fins de semana e feriados (ação+detalhamento), por meio de profissionais da saúde- nutricionistas, psicólogos, médicos e enfermeiros- (meio+detalhamento), com a finalidade de conscientizar a população dos malefícios de ser sedentário (finalidade), e mais ainda, oferecer tratamentos de saúde com consultas gratuitas e, ao fim do mês, promover desafios para cumprir - metas e objetivos estipulados em prol da saúde - com direito a prêmios . (ação) Dessa forma, o país poderá diminuir as taxas de sedentarismo e também vai evitar a alta taxa de mortalidade, que foi divulgada pela OMS.
A meu ver, a primeira proposta está compeleta.

Considerações finais:
:arrow: Cuide do desenvolvimento, ele te prejudicou demais.

Estude sobre projeto de texto e lógica argumentativa.
:arrow: ATENÇÃO: Todos esses tópicos estão na aba "Materiais de apoio" aqui do fórum.

É isso, qualquer dúvida me fale, bons estudos! ;)
#37396
@Jeniffeeee, Olá moça, muito obrigada pela correção, entretanto eu admito que não gostei muito do seu argumento para a correção do meu D1... O tema fala sobre " Caminhos para combater o sedentarismo ", ou seja, vou falar algumas causas ao meu ver ... Você disse que um argumento meu foi meio absurdo e eu discordo totalmente, e qualquer pessoa sabe que assim como a tecnologia nos beneficia, ela também causa problemas , assim como pode ajudar uma pessoa que esta em momento de trabalho ( como você disse ), ela pode ser um gatilho para a preguiça de uma pessoa , exemplo disso são pessoas saudáveis que moram em prédios e não tem a capacidade de subirem a escada e utilizam elevadores ( e detalhe : eu não generalizei em algum momento, tanto que em um momento da redação eu disse " tornam uma parcela da população sedentária " ) ... Gosto das suas correções e sou grata por você ter tirado um instante do seu tempo ( de graça ) para corrigir minha redação, mas não achei legal ter tirado pontos meus apenas porque minha opinião é diferente da sua ... Enfim, muito obrigada desde já e qualquer comentário feito por mim não foi com a intenção de ofender e sim mostrar meu ponto de vista .
#37448
Lebre escreveu:@Jeniffeeee, Olá moça, muito obrigada pela correção, entretanto eu admito que não gostei muito do seu argumento para a correção do meu D1... O tema fala sobre " Caminhos para combater o sedentarismo ", ou seja, vou falar algumas causas ao meu ver ... Você disse que um argumento meu foi meio absurdo e eu discordo totalmente, e qualquer pessoa sabe que assim como a tecnologia nos beneficia, ela também causa problemas , assim como pode ajudar uma pessoa que esta em momento de trabalho ( como você disse ), ela pode ser um gatilho para a preguiça de uma pessoa , exemplo disso são pessoas saudáveis que moram em prédios e não tem a capacidade de subirem a escada e utilizam elevadores ( e detalhe : eu não generalizei em algum momento, tanto que em um momento da redação eu disse " tornam uma parcela da população sedentária " ) ... Gosto das suas correções e sou grata por você ter tirado um instante do seu tempo ( de graça ) para corrigir minha redação, mas não achei legal ter tirado pontos meus apenas porque minha opinião é diferente da sua ... Enfim, muito obrigada desde já e qualquer comentário feito por mim não foi com a intenção de ofender e sim mostrar meu ponto de vista .
Não se preocupe pelo comentário! Sendo sincera, até gosto quando discordam de mim para ver diferentes pontos de vista kkkk. Entendi o que você disse, porém não creio que tenha sido questão de opinião, mas eu só achei um pouco absurdo a ideia das escadas, entendo sim que existem pessoas que deixam de subir as escadas por preguiça e isso pode até contribuir com o sedentarismo, mas imagine uma pessoa que mora no décimo andar de um prédio, não é absurdo pedir que ela suba pelas escadas até o seu andar? Sem contar que em questão disso você não apresentou nada, foi apenas um senso.
Não fiquei ofendida e sinta-se à vontade para dizer o que pensa :D

*Perdoem o erro "afim" ao invés d[…]

vcs poderiam corrigir?

Tendo em vista a atual situação de f[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM