Avatar do usuário
Por Hivini
Quantidade de postagens
#81497
Sem dúvida, o racismo é um dos principais problemas sociais enfrentados desde a era colonial imposta pelos portugueses. Diante da história de luta do país, esse tipo de discriminação é crime e não deve ser confundido com liberdade de opinião. Nessa perspectiva, é de extrema importância reconhecer que o problema existe e faz parte da nossa formação como brasileiro desenvolver ações para combate-lo por meio de mobilização que envolva todos os setores da sociedade.
Sob esse viés, a negação e a naturalização são responsáveis pelo agravamento do preconceito direcionado as pessoas negras. Segundo o jurista, filósofo e professor universitário Silvio Luiz de Almeida, o racismo se expressa concretamente como desigualdade política, econômica e jurídica. É inadmissível que essa questão ainda ocorra nos dias atuais causando desarmonia social, exclusão, desigualdade e violência pois contribuem para sua perpetuação.
Em uma sociedade onde o discurso legislativo vem do branco, é importante que a voz das minorias políticas seja ouvida. Conforme o discurso do grupo Sul-coreano BTS na 73ª assembleia geral da ONU “Não importa quem você seja, de onde você é, sua cor de pele, sua identidade de gênero, apenas fale”. Nesse contexto, é necessário que haja por parte do Congresso Nacional propostas para aumentar a participação na representatividade de liderança negras, candidaturas viáveis para os espaços de poder, dentre diversas outras ações.
Portanto, é essencial providências capazes de reduzir as desigualdades raciais no Brasil. Desse modo, cabe ao Ministério da Justiça junto com a sociedade, executar educação sobre diversidade cultural nas escolas, para que os alunos possam obter conhecimento sobre o assunto; incentivar vítimas a denunciar casos de discriminação e violência; além de manifestações e campanhas publicitárias com a finalidade de conscientizar a população sobre a temática em questão. Dessa maneira, o país será capacitado de construir saídas para a redução do racismo.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
9 Respostas 
592 Exibições
por maiconpgtu
5 Respostas 
4799 Exibições
por Hods
0 Respostas 
189 Exibições
por Nicole408
0 Respostas 
94 Exibições
por Adrianaa
0 Respostas 
131 Exibições
por FelipeThz
4 Respostas 
345 Exibições
por LiedsonLB
3 Respostas 
313 Exibições
por Mylike
0 Respostas 
112 Exibições
por Dudatomas
0 Respostas 
112 Exibições
por Ari962
0 Respostas 
104 Exibições
por luanabraga23

httalunoo VictorF Gi69 Nayanne EuDavila […]

Anna1 , obrigada, Anna <3 Sempre fico inse[…]

A maioria das pessoas que vivem com HIV ou AIDS re[…]

Fundada em 1903, uma instituição psi[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM