Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#56949
O racismo é um problema estrutural muito presente na sociedade brasileira. Isso deve ser enfrentado, uma vez que, diariamente racistas procuram hierarquizar e demonstrar a superioridade da raça branca pura. Além disso, no Brasil possui a associação aos mais de trezentos anos de escravidão negreira, resultando em um sistema de marginalização racial perdurada até hoje e consequentemente diminuindo as oportunidades desses marginalizados.
A superioridade branca, apesar de objetivar-se em conceitos históricos e filosóficos, se estabelece em todos os âmbitos sociais brasileiros, assim, elevando diariamente a porcentagem de racismo no Brasil. Segundo o IBGE 55% na população nacional é negra, totalizando em mais da metade dos cidadãos e mesmo assim descriminalizados e tratados deforma desigual radicalmente sem estruturas humanitárias. Nos lugares mais pobres do Brasil, suburbanos e falta de valor público, a predominância é de negros, abrindo por tanto, maior vulnerabilidade sociais sobre o racismo e os preconceitos.
Uma vez que, o Brasil foi o último dos países escravocratas a abolir a escravidão, as bases sociais se ergueram a partir dos privilégios dos mais poderosos, os brancos, que exerciam o valor sobre tudo e estendiam-se como a cor dominante de épocas antes. Mesmo com a abolição, as oportunidades jamais foram deforma iguais, levando o conceito de escravo até hoje, já que negros são marginalizados na estrutura brasileira demonstrando uma das etiologias do subdesenvolvimento nacional.
Portanto, é necessárias mudanças, sobretudo na estrutura no Brasil. As consequências do ontem estão inseridas hoje no capitalismo e em questões propriamente governamentais. Para o combate racial direciona-se a compreensão de histórias, que assim como muitos outros imigrantes, participam da formulação do país em sua diversidade, tendo maior participação da escola no ensino, assim como do governo em propor leis contra o racismo e a marginalização de negros. Partindo do princípio de tudo e destruindo falsas colocações.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Em pleno século XXI transtornos mentais &ea[…]

Boa tarde, vou colocar aqui os pontos q eu acho q[…]

Ficaria muito feliz se pudessem corrigir a minha r[…]

jherodrigues Olá, pode corrigir minha re[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM