Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#49540
A intolerância religiosa no Brasil é um tema muito pouco discutido dentro do território nacional, a grande maioria da população é composta de cristãos, divididos em evangélicos e católicos, o que sobra pra parcela menor todas as mazelas do preconceito religioso. Ela tem suas raízes ainda no processo de colonização do país, por meio das missões jesuítas no século 16, que tinham como objetivo catequizar os indígenas afim de "humaniza-los", demonstrando assim essa visão eurocêntrica indiferente a tudo que não seguisse os moldes do catolicismo europeu.

Primeiramente, podemos enchergar intolerância contra as religiões não cristãs, em especial as de matrizes africanas, como um dos "braços" do racismo no país. Assim como negros e indígenas foram considerados uma sub-raça, sua manifestação artísticas e religiosas receberam o mesmo tratamento de inferiorização e demonização, por parte de uma elite branca cristã. Porém, esse pensamento ainda reverbera no inconsciente coletivo nacional. Apesar do estado brasileiro ser laico, a laicidade do direito de praticar ou cultuar sua religião muitas vezes não é respeitada por essa maioria esmagadora cristã.

Outro ponto a se destacar, é a falta de conhecimento geral da população a cerca dessas religiões que fogem dos dogmas religiosos vistos como convencionais. A falta de representantes em espaços de visibilidade como canais de televisão, cargos públicos ou lugares de evidência corrobora pra esse distanciamento com a massa popular.

Em resumo, pela constituição brasileira todos devem ter o direito de cultuar sua própria religião seja qual for, mas muitas vezes, a lei não consegue se fazer valer fora do âmbito jurídico. Então cabe ao estado brasileiro promover uma campanha de conscientização em escolas públicas e particulares sobre o tema, afim de levantar o debate. E enrijecer as penas contra atos de intolerância religiosa no território nacional, para que assim no futuro possamos ter uma sociedade com mais igualdade e respeito.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A constituição federal de 1988, docu[…]

A constituição federal de 1988 docum[…]

A Crise de 1929 – período marcado por[…]

É comum realizarmos postagens nas redes so[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM