• Avatar do usuário
#67885
Sabe-se que, a inclusão é um tema recorrente, nesse contexto houve uma inquietação sobre a situação dos moradores de rua, e sua inserção em um contexto social. Com o crescimento exorbitante da massa brasileira, tende-se-a, a falta de oportunidade no mercado de trabalho e a falta de empatia do corpo social, e evidencia uma população menos favorecida.
Em primeira análise, sabe-se que entre a população desfavorecida, estão incluídos os moradores de rua. Levamos em conta que as oportunidades para as diferentes classes sociais, são distribuídas de formas distintas, na maioria dos casos começa quando não à uma educação de qualidade ,que já nos leva ao âmbito profissional, visando a empregabilidade de todos, e principalmente pelo seu primeiro emprego que em distintos casos não consegue pela falta de experiência. Dado que corrobora para uma maior população de pessoas em estado de rua, sem um local adequado para fazer suas necessidades básicas e nenhum apoio psicossocial e ademais a falta de políticas públicas que assegurem seus direitos.
Ainda neste contexto hodierno, entrar a empatia do corpo social e sobretudo um olhar atento ao próximo. Segundo Jean Jacques Rousseau — " A vontade de geral deve emanar de todos para ser aplicada a todos". Em decorrência do que foi citado, a população tem grande impacto pelo alto índice de pessoas em situação de rua, já que não à visão das pessoas que se encontram à mercê dessa realidade. A inclusão é um assunto bastante distribuído pela sociedade, porém pouco praticado. Além disso vale ressaltar que o bem-estar emocionado, com tudo e notório que esta situação tem peso em todos os aspectos, causando assim uma invisibilidade de tal modo que essas pessoas se tornam esquecidas diante a sociedade .
Conclui-se que, a situação dos moradores de rua é indiscutível, já que a realidade desse público é totalmente preocupante. Fica claro que a sociedade precisa intervir mediante essa situação que se encontra de modo insustentável. Além de ajudar essas parte da sociedade que estão em situação precária em ruas, deve-se abranger um olhar mais amigável e solidário, visando uma inserção dentro do mercado de trabalho com a criação de mais empregos para que essas pessoas tenham uma nova saída, para que esse processo de moradores de rua começa a diminuir e à mudar.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

De acordo com a Primeira Lei de Newton, um corpo e[…]

Doação do coração

A série médica americana "Grey'[…]

Carinho sanguíneo

A série médica americana "Grey'[…]

Índio no Brasil

Hoje,na sociedade brasileira, as políticas […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM