• Avatar do usuário
#54410
Em 2020, o filme com elementos de documentário “o dilema das redes” fora lançado na Netflix. Nesse, é mostrado como as redes sociais se adaptam aos gostos de quem o usa através da computação para que sempre mantenham o usuário interessado e presente, a fim de gerar o maior lucro possível. Ao decorrer do filme, é apresentado que essa interação da rede gera uma alienação do usuário aos seus próprios gostos e um desentendimento cada vez maior do diferente. Paralelamente ao filme, o ato de camarotizar bem como fornecer sempre o agrado ao usuário, traz benefícios e privilégios que podem criar realidades irreais de quem os usa, que passam a tratar aquilo como normal e presos em uma bolha social que não compreende o mundo a sua volta de forma verdadeira ou correta.
A história, também pode relatar com as diversas relações de poder aristocráticas ao redor do mundo condições análogas ao ato de camarotizar. Essas relações trazem consequências também similares à falta de compreensão da realidade popular dado o contexto de cada época. Um exemplo dessas condições impostas pela estratificação social seria a frase atribuída à Maria Antonieta “que comam brioches” que foi dita após a rainha saber que seu povo tinha fome. Esse exemplo torna claro como as relações de benefícios constantes podem mudar o entendimento de realidade de quem os usufrui.
A percepção alterada, portanto, moldando uma realidade diferente para quem a utiliza se torna um recurso perigoso para as relações políticas presentes no estado atual, já que, a compreensão da realidade é indubitavelmente um recurso necessário dos poderes para a manutenção da democracia. Relações sociais estáveis e presentes na realidade, portanto, devem existir a fim de que exista uma progressão lógica e moral a fim de que todos os presentes se beneficiem e não apenas os que podem pagar por algo, assim como na revolução francesa que levou à queda de Maria Antonieta, e para isso, o fim do ato de camarotizar necessita ser aplicado.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

#54931
Precisa organizar suas ideias na estrutura da redação: 4 parágrafos = introdução + dois desenvolvimentos + conclusão

Introdução: contextualização do tema + problematização + tese
Desenvolvimento: apresentar o argumento + repertório (dados ou citação) + argumentação + arrematação (fechar o raciocínio)
Conclusão: arrematação do tema + solução para a problemática

É preciso fazer conectivo em toda a redação, para ligar frases e parágrafos. Então, tem que ter conectivo todo início de parágrafo e a cada início de frase também.

Aqui está a minha análise da sua r[…]

Ficou espetacular! :) Muito obrigado!!

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM