• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#74516
Na fórmula matemática de Bhaskara, a solução da função do segundo grau depende do valor de suas raízes. De maneira semelhante, ao analisar a problemática que permeia a banalização de cirurgias plásticas, compreende-se a necessidade de discutir suas incógnitas para se chegar a uma resolução. Portanto, análoga à equação, os coeficientes dessa adversidade estão relacionados a capitalização sobre esses procedimentos, aliado a manipulação presente nas redes sociais.
Primeiramente, cabe pontuar a fetichização criada sobre essas cirurgias, principalmente, por influenciadores digitais. Nesse contexto, esses indivíduos recebem para divulgar procedimentos cirúrgicos com fins estéticos para seus seguidores, estimulando-os a adquiri-los. Dessa forma, cria-se o fetiche de consumo, conceito do filósofo Karl Marx que disserta acerca da aquisição de produtos de modo não consciente, sobre esse serviço. Consequentemente, ocorre aumento na procura por essas intervenções, não por necessidade, mas por desejo.
Outrossim, a normalização de cirurgias estéticas para se alcançar um ideal de beleza, sobretudo no meio digital, corroboram na criação e perpetuação dessa trivialização. De acordo com o sociólogo Émile Durkheim, o fato social molda a maneira de agir dos indivíduos de um certo grupo e da humanidade em geral. Nesse sentido, internautas em constante contato com essas modificações ,acabam por acreditarem que somente sendo daquela forma é que serão vistos e aceitos como belos. Com isso, manipulados pelas mídias sociais, eles recorrem às cirurgias plásticas para se encaixar no padrão estético.
Portanto, frente aos fatos supramencionados, infere-se a necessidade de medidas que mitiguem essa problemática. Desse modo, cabe ao Instagram , por ser um grande propagador de ideais estéticos, mediante dispersão de anúncios em seu site, criar conteúdos educativos aos seus internautas sobre a padronização da beleza e as consequências que isso acarreta. Desse modo, espera-se atenuar a banalização de cirurgias plásticas e resolver essa equação social.





@maiconpgtu @hel0oooo @Daniela2020 Oie galera alguém poderia corrigir minha redação pff. Agradeço desde já
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 110

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#74784
Na fórmula matemática de Bhaskara, a solução da função do segundo grau depende do valor de suas raízes. De maneira semelhante, ao analisar a problemática que permeia a banalização de cirurgias plásticas,X compreende-seX (vejo) a necessidade de discutir suas incógnitas para Xse X (EVITE O SE)chegar a uma resolução. Portanto, análoga à equação, os coeficientes dessa adversidade estão relacionados a capitalização Xsobre esses X (DESSES)procedimentos, aliado a manipulação presente nas redes sociais.
Primeiramente, cabe pontuar a fetichização criada sobre essas cirurgias, principalmente, por influenciadores digitais. Nesse contexto, esses indivíduos recebem para divulgar procedimentos cirúrgicos com fins estéticos para seus seguidores, estimulando-os a adquiri-los. Dessa forma, cria-se o fetiche de consumo, conceito do filósofo Karl Marx que disserta acerca da aquisição de produtos de modo não consciente,(.)Xsobre esse serviço. XConsequentemente, ocorre(ACHO QUE FALTOU "UM") aumento na procura por essas intervenções, não por necessidade, mas por desejo.
Outrossim, a normalização de cirurgias estéticas paraX se X alcançar um ideal de beleza, sobretudo(,)no meio digital, corroboram na criação e perpetuação dessa trivialização. De acordo com o sociólogo Émile Durkheim, o fato social molda a maneira de agir dos indivíduos de um certo grupo e da humanidade em geral. Nesse sentido, internautas em constante contato com essas modificações ,acabam por acreditarem que somente XsendoX daquela forma é que serão vistos e aceitos como belos. Com isso, manipulados pelas mídias sociais, eles recorrem às cirurgias plásticas para se encaixar(ENCAIXAREM)no padrão estético.
Portanto, frente aos fatos supramencionados, infere-se a necessidade de medidas que mitiguem essa problemática. Desse modo, cabe ao Instagram , por ser um grande propagador de ideais estéticos, mediante dispersão de anúncios em seu site, criar conteúdos educativos aos seus internautas sobre a padronização da beleza e as consequências que isso acarreta. Desse modo, espera-se atenuar a banalização de cirurgias plásticas e resolver essa equação social.
(ESPERO TER AJUDADP UM POUCO) HOJE EU ESTOU MUITO CANSADA. ;)
Depois me ajude a corrigir a minha. Eu vou te marcar lá.
#74860
Oi, @biaaaaaaa , espero te ajudar com o que eu sei, mesmo sendo só um estudante.

• Introdução:

Na fórmula matemática de Bhaskara, a solução da função do segundo grau depende do valor de suas raízes. De maneira semelhante, ao analisar a problemática que permeia a banalização de cirurgias plásticas, compreende-se a necessidade de discutir suas incógnitas para se chegar a uma resolução. [Bons repertório e apresentação do tema] Portanto, análoga à equação, os coeficientes dessa adversidade estão relacionados a [à] capitalização sobre esses [desses] procedimentos, aliado[s] a[à] manipulação presente nas redes sociais.

No geral, uma boa introdução do tema e de seus argumentos. Apenas uns errinhos de português para ficar atenta. Boa!

• D1:

Primeiramente, cabe pontuar a fetichização criada sobre essas cirurgias, principalmente, por influenciadores digitais. Nesse contexto, esses indivíduos recebem para divulgar procedimentos cirúrgicos com fins estéticos para seus seguidores, estimulando-os a adquiri-los. [Excelente ponto] Dessa forma, cria-se o fetiche de consumo, conceito do filósofo Karl Marx que disserta acerca da aquisição de produtos de modo não consciente, sobre esse serviço. Consequentemente, ocorre [um] aumento na procura por essas intervenções, não por necessidade, mas por desejo.

Excelente parágrafo. Não há muito o que dizer.

• D2:

Outrossim, a normalização de cirurgias estéticas para se alcançar um ideal de beleza, sobretudo no meio digital, corroboram na criação e perpetuação dessa trivialização. [Faltou um conectivo, ceberia "Nesse contexto" ou "Sob tal ótica"] De acordo com o sociólogo Émile Durkheim, o fato social molda a maneira de agir dos indivíduos de um certo grupo e da humanidade em geral. Nesse sentido, internautas em constante contato com essas modificações acabam por acreditarem [acreditar] que somente sendo daquela [somente daquela, sem o "sendo"] forma é que serão [daquela forma serão, sem o "é que"] vistos e aceitos como belos. [Esse período ficou um pouco poluído, com excessos, o que diminui a clareza do seu texto.] Com isso, manipulados pelas mídias sociais, eles recorrem às cirurgias plásticas para se encaixar no padrão estético[Caberia uma pequena oração para fechar esse parágrafo, algo como "[,] fomentando a problemática discutida", ou algo que desse um caráter conclusivo, visto que o próximo parágrafo é a conclusão.].

Boa argumentação! Tente reler mais vezes o seu parágrafo pra evitar confusões.

• Conclusão:

Portanto, frente aos fatos supramencionados, infere-se a necessidade de medidas que mitiguem essa problemática. Desse modo, cabe ao Instagram[agente], por ser um grande propagador de ideais estéticos [detalhamento?], mediante dispersão de anúncios em seu site[meio], criar conteúdos educativos aos seus internautas sobre a padronização da beleza e as consequências que isso acarreta [ação]. Desse modo, espera-se atenuar a banalização de cirurgias plásticas e resolver essa equação social.[Essa seria a finalidade, eu colocaria tudo no mesmo período e depois fecharia com um outro pequeno, mas é só gosto]

Boa conclusão! Eu fiquei na dúvida quanto ao detalhamento (sou ruim nisso mesmo kk). Gostei também que você retomou à "equação" citada no inicio, mostra projeto de texto.

Boa redação! Boa sorte e bons estudos! Espero ter ajudado.
Saúde Pública no Brasil

OLÁ! Tudo bem? Espero que seu dia estej[…]

3m1ly aaah muito obrigada pela correç&ati[…]

Consumismo no Brasil

Eraldonunes eurodrigo Gi69 Anne24 Lol[…]

Jean Jaques Rosseau, filósofo iluminista, a[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM