Avatar do usuário
Por Lucas23k
Quantidade de postagens
#91312
A constituição federal de 1988, documento jurídico mais importante do país, prevê em seu artigo (5°), o direito a liberdade e a inviolabilidade no Brasil como inerente a todo cidadão brasileiro. Conquanto, tal prerrogativa não se tem reverberado com ênfase, na prática, quando se observa o caminho para construir aspectos importantes no processo de tê-lo uma grande expectativa de vida no Brasil, dificultando deste modo, a universalização desse direito social tão importante. Diante dessa perspectiva, faz se a análise dos fatores que favorecem esse quadro.
Em uma primeira análise, deve-se ressaltar a ausência de medidas governamentais para combater as ocasiões em que retardada a expectativa de vivência da população neste país, repreende-se, por tanto acontecimentos de baixa vulnerabilidade, tais como, escassez na saúde pública e no saneamento básico o que resulta em uma insignificância nas esperanças de vida. Essa conjuntura segundo o filósofo contratualista Jhon Locke, configura-se como uma violação do contrato social, já que o estado não cumpre sua função de garantir que os cidadãos desfrutem de direitos indispensáveis, como desempenho para que tenha vida longa, o que infelizmente é evidente no país.
Ademais, é fundamental apontar os danos ocasionados pela falta de investimentos e melhorias na saúde pública, pelos governantes, como impulsionador dos retardamentos de vida em toda nação. Segundo a revista "veja" 43% da população tem suas vidas retardadas pelas exiguidades na saúde pública e no saneamento básico. Logo é inadmissível que esse cenário continue a perdurar.
Depreende-se, portanto a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso, é imprescindível que o governo federal obtenha recursos financeiros e faça investimentos para a ascensão na saúde pública e elevação no saneamento básico, de modo a obter enriquecimento na expectativa de vida da sociedade brasiliense. Assim, se consolidará uma sociedade mais esperançosa, onde o estado desempenha corretamente seu contrato social, tal como afirma o filósofo Jhon Locke.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
22 Exibições
por sakrori
Expectativa de vida
por Taynaragp    - In: Outros temas
0 Respostas 
125 Exibições
por Taynaragp
2 Respostas 
262 Exibições
por Leidjany
0 Respostas 
105 Exibições
por kah12
Minha vida profissional
por Paulo93    - In: Outros temas
1 Respostas 
14782 Exibições
por Thalia24
0 Respostas 
130 Exibições
por henriquechc
0 Respostas 
93 Exibições
por Indhirha
0 Respostas 
150 Exibições
por Milena02
0 Respostas 
148 Exibições
por OssoSexual
2 Respostas 
236 Exibições
por jaqueps1

-Entre os aspectos referentes as atribuiç&o[…]

httalunoo VictorF Gi69 Nayanne EuDavila […]

Anna1 , obrigada, Anna <3 Sempre fico inse[…]

A maioria das pessoas que vivem com HIV ou AIDS re[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM