Avatar do usuário
Por Layan3
Quantidade de postagens
#122818
No panorama atual é notável a falta de sensibilidade e respeito dos governantes com a sociedade necessitada. Cidades modificando estruturas arquitetônicas para dificultar o acesso de pessoas em condição de rua e assim, privando-as dos Direitos Humanos, garantidos por lei para todos. O desamparo por parte do Governo é revoltante, prejudicando a vida de milhões de cidadãos.
    Segundo as informações dadas pelo Portal G1, foi por meio de uma manifestação feita pelo Padre Júlio, onde o mesmo quebrou pedregulhos que foram colocados no viaduto. A repercussão do ato foi de fundamental importância para a criação de um projeto que lei que proíbe qualquer tipo de construção que afeta desabrigados. Vale a pena lembrar que se o Padre não houvesse se manifestado, o problema iria continuar não sendo mencionado e nada seria feito.
 Em outra análise, Políticas Públicas capazes de cessar essa falta de responsabilidade por parte do Estado são essenciais para o funcionamento de uma sociedade igualitária. Com tudo isso, ao invés de tentar invisibilizar essa minoria, deve-se dar espaço para a construção de sua vida digna e livre, como garante o Art. 5⁰ da Constituição Federal de 1988. Devemos levar em consideração que as leis que deverão ser criadas tenham seu valor e não sejam apenas parte de um papel, tenham sua merecida execução.
 Portanto, cabe aos Ministérios da Saúde, Educação e Trabalho criarem projetos oferecendo tratamento gratuito de Saúde, tratamento contra vícios nas zonas Urbanas; matrícula garantida para às três etapas básicas de educação e dando ênfase às modalidades de educação, como, por exemplo: a EJA. A distribuição de cestas básicas, fardamentos e um horário complementar para crianças e adolescentes nos horários opostos das aulas, levando-os para a prática de esportes, artesanato, cursos, etc. A volta da "Minha Casa, Minha Vida", projeto que salvou muitos brasileiros da pobreza. O surgimento de oportunidades de emprego é uma das coisas básicas para a sobrevivência do ser humano numa sociedade com desigualdade social.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
476 Exibições
por jean24062004
0 Respostas 
275 Exibições
por giuliaromanm
0 Respostas 
524 Exibições
por maritello
1 Respostas 
568 Exibições
por Vitorinha06
1 Respostas 
4463 Exibições
por gabrielromao
4 Respostas 
1391 Exibições
por Fortes
0 Respostas 
237 Exibições
por jsg
1 Respostas 
378 Exibições
por Vitorinha06
0 Respostas 
388 Exibições
por thechain
0 Respostas 
321 Exibições
por isadbertoli
Apenas Teoria

- Repetição de palavras/artigos mais[…]

Trabalho Infantil

- Introdução, desenvolvimentos e con[…]

Excelente argumentação, e tenta enc[…]

Palavras/artigos repetidos durante a redaç[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM