Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#50321
Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad), a nossa pátria tem cerca de 11 milhões de analfabetos. Também, de acordo com a Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA), essa dificuldade da aprendizagem vem desde os anos iniciais na escola e apresentou um levantamento que em 2016, menos da metade dos estudantes alcançaram os níveis de proficiência suficientes em Leitura e em Matemática.

Isso se dá principalmente porque o método de ensino aplicado nas escolas é falho. Crianças de 7 ou 8 anos que querem apenas brincar ou comer doce sendo obrigadas a ficarem sentadas ouvindo um professor falar seriamente de um assunto que não chama sua atenção. Além disso, acabam por ser expostos a humilhações quando, por exemplo, um aluno não tem conhecimento o suficiente de certa matéria e é obrigado a responder publicamente algo que ele não sabe. Só causa mais vergonha e ainda menos vontade de estudar, aprender e participar.

Além disso, a desigualdade social deve ser posta em pauta principalmente porque crianças que vem de famílias mais desfavorecidas acabam por ou não ter uma educação de qualidade ou acabam por largar a escola e se submeter ao trabalho infantil: em ambas as situações exemplares são prejudicadas. Uma classe social marginalizada sofre muito mais do que uma criança que frequenta uma escola particular com um ensino muito superior do que uma escola pública e pouco se vê algo sendo feito para ajudar. O pouco que vemos, não é aproveitado porque não souberam ou tiveram capacidade o suficiente de incentivar a participação.

Enfim, com um foco mais nos primeiros anos escolares, deve-se recordar que crianças pensam e preferem mais brincar e em doces do que sentar quieto e assistir uma aula, o governo deveria implementar um projeto em que ambas as escolas, particulares e públicas, participariam com o fim de reformular o ensino fundamental de acordo com os interesses das crianças ou seja, com brincadeiras e eventos que possam envolver leitura, escrita e até mesmo a matemática.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#51035
Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad), a nossa [não usar 1ª pessoa] pátria tem cerca de 11 milhões de analfabetos. Também, de acordo com a Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA), essa dificuldade da aprendizagem vem desde os anos iniciais na escola e apresentou um levantamento que em 2016, menos da metade dos estudantes alcançaram os níveis de proficiência suficientes em Leitura e em Matemática.
* Esses dados são bons para desenvolvimento, para os próximos parágrafos
* Aqui você deveria contextualizar o assunto do tema + problematizar + apresentar os argumentos que você iria rebater


[faltou conectivo] Isso se dá principalmente porque o método de ensino aplicado nas escolas é falho. [faltou conectivo] Crianças de 7 ou 8 anos que querem apenas brincar ou comer doce sendo obrigadas a ficarem sentadas ouvindo um professor falar seriamente de um assunto que não chama sua atenção < da onde tirou esse dado?]. Além disso, acabam por ser expostos a humilhações quando, por exemplo, um aluno não tem conhecimento o suficiente de certa matéria e é obrigado a responder publicamente algo que ele não sabe. Só causa mais vergonha e ainda menos vontade de estudar, aprender e participar.
* Parece que ficou no senso comum, deveria comprovar o que se fala com dados ou citação
* Também precisa fazer o uso de conectivos


Além disso, a desigualdade social deve ser posta em pauta principalmente porque crianças que vem de famílias mais desfavorecidas acabam por ou não ter uma educação de qualidade ou acabam por largar a escola e se submeter ao trabalho infantil: em ambas as situações exemplares são prejudicadas. [faltou conectivo] Uma classe social marginalizada sofre muito mais do que uma criança que frequenta uma escola particular com um ensino muito superior do que uma escola pública e pouco se vê algo sendo feito para ajudar. [faltou conectivo] O pouco que vemos, não é aproveitado porque não souberam ou tiveram capacidade o suficiente de incentivar a participação.
* Estrutura do desenvolvimento: apresentar o argumento + repertório (dados ou citação) + argumentação + arrematação

Enfim, com um foco mais nos primeiros anos escolares, deve-se recordar que crianças pensam e preferem mais brincar e em doces do que sentar quieto e assistir uma aula, o governo deveria < sensação de dúvida, seja objetivo] implementar um projeto em que ambas as escolas, particulares e públicas, participariam com o fim de reformular o ensino fundamental de acordo com os interesses das crianças ou seja, com brincadeiras e eventos que possam envolver leitura, escrita e até mesmo a matemática.
* Faltou o meio e o detalhamento

A realidade de muitos jovens brasileiros nos dias […]

Ao contrário do que se reverbera na Constit[…]

De modo ficcional, o filme "O Espetacular Hom[…]

Em termos tecnológicos, durante a atual pan[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM