Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#59302
"Atirei o pau no gato to to, mas o gato to to não morreu reu reu"
Embora seja uma canção totalmente desnecessária, continua a ser passada de geração em geração. A naturalização de cantigas como essa influenciou a banalização dos maus tratos aos animais. Nós brasileiros somos ensinados desde a infância a não prestar devida importância aos animais .
Um balanço divulgado pela PMA ( policia militar ambiental ) aponta que cresceu o número de infratores por maus tratos a animais em 2020 se comparado ao ano anterior. Conforme os dados divulgados , o aumento foi de 162,5 %. Enquanto o governo não aplicar leis mais rígidas as pessoas continuarão a tratar animais como objetos sem valor. Existem ONGs brasileiras de resgate animal, como a S.O.S Bichos por exemplo, que tem como objetivo promover o resgate de animais de rua e realizar o seu encaminhamento para guarda responsável .
Recentemente, a forma brutal como um cachorro foi morto dentro de um supermercado Carrefour, em Osasco, São Paulo, Chocou o país. O animal foi espancado e envenenado por um segurança local, no dia 28 de novembro de 2018, e acabou não resistindo aos ferimentos. Comumente vemos crimes desse tipo serem cometidos. Não raro, a utilização desses animais possui características de crueldade, exigindo grande esforço físico, que os leva a exposição de doenças lesões e diminuição da qualidade de vida .
De acordo com o decreto do congresso nacional, a partir de 12 de fevereiro de 1998, praticar ato de abuso, maus- tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticadas, nativos ou exóticos leva à pena de um a quatro anos, e multa. O poder legislativo deve elaborar uma lei com mais eficácia e uma penalização maior,para que o corpo social venha levar a sério a questão do respeito aos animais. Além disso, em conjunto com a mídia deve investir em propagandas que visem desnaturalizar os maus-tratos a animais, com o intuito de Inteirar a população sobre a agravação da questão.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#59304
"Atirei o pau no gato to to, mas o gato to to não morreu reu reu"
Embora seja uma canção totalmente desnecessária, continua a ser passada de geração em geração. A naturalização de cantigas como essa influenciou a banalização dos maus tratos aos animais. Nós brasileiros somos ensinados desde a infância a não prestar devida importância aos animais .
Um balanço divulgado pela PMA ( policia militar ambiental ) aponta que cresceu o número de infratores por maus tratos a animais em 2020 se comparado ao ano anterior. Conforme os dados divulgados , o aumento foi de 162,5 %. Enquanto o governo não aplicar leis mais rígidas as pessoas continuarão a tratar animais como objetos sem valor. Existem ONGs brasileiras de resgate animal, como a S.O.S Bichos por exemplo, que tem como objetivo promover o resgate de animais de rua e realizar o seu encaminhamento para guarda responsável .
Recentemente, a forma brutal como um cachorro foi morto dentro de um supermercado Carrefour, em Osasco, São Paulo, Chocou o país. O animal foi espancado e envenenado por um segurança local, no dia 28 de novembro de 2018, e acabou não resistindo aos ferimentos. Comumente vemos crimes desse tipo serem cometidos. Não raro, a utilização desses animais possui características de crueldade, exigindo grande esforço físico, que os leva a exposição de doenças lesões e diminuição da qualidade de vida .
De acordo com o decreto do congresso nacional, a partir de 12 de fevereiro de 1998, praticar ato de abuso, maus- tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticadas, nativos ou exóticos leva à pena de um a quatro anos, e multa. O poder legislativo deve elaborar uma lei com mais eficácia e uma penalização maior,para que o corpo social venha levar a sério a questão do respeito aos animais. Além disso, em conjunto com a mídia deve investir em propagandas que visem desnaturalizar os maus-tratos a animais, com o intuito de Inteirar a população sobre a agravação da questão.[/quote]

NathaliaLima , olá, boa-noite! irei corrig[…]

Anninha , olá, boa-noite! irei corrigir su[…]

A vocação para o mercado de trabalho[…]

MoniqTorres , olá, boa-noite! posso corrig[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM