Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#48689
Mulheres são agredidas todos os dias pelo mundo todo, muitas não denunciam por medo das consequências que irá de vir diretamente do agressor.

No Brasil o assunto é um dos mais discutidos no momento. Mulheres sofrem caladas dentro de suas casas, frágeis e sem saber se defender, elas ficam em silêncio e até mesmo fecham os olhos para a realidade da vida.

Pode-se uma pessoa aconselhar a denunciar agressor, mas sem a coragem da vítima, tudo fica no escuro e no silêncio.

Mas temos que ver também, que as vezes o medo da mulher agredida não é pelo o que o agressor irá fazer caso ela o denuncie. Tanto que, se a justiça o manter dentro da cadeia, ele nada poderá fazer com ela.

Não podemos fechar os olhos para a realidade. A justiça da para a vítima um papel para o homem não se aproximar, como se aquele pão fosse a defender quando ele invadisse sua casa querendo matar ela.

A justiça tem de ser mais rigorosa na hora do julgamento e a empatia ajudaria muito nesse momento. A empatia de que a vítima não conseguirá dormir a noite por achar que o agressor irá pular sua janela, a empatia de que a vítima não conseguirá sair de dia sabendo que o agressor poderá estar lá a observando.

Tudo isso mexe com o psicológico da vítima, as vezes até mesmo de quem compartilha do mesmo ambiente.
Ex. O filho quer sair com a mãe para o parque, mas a mulher prefere ficar em casa por medo de esbarrar com o homem que bateu ou batia nela. O filho concordará, mas a tristeza será maior.

De qualquer jeito, todos saem perdendo alguma coisa.

Por isso precisamos melhorar a lei sobre a Maria da Penha. Mais comerciais e campanhas contra agressão a mulheres devem ter. Principalmente um tratamento no psicólogo, porque mesmo depois que tudo acabar, o trauma continuará com a vítima.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

a cantora Ariana Grande, tem dois álbuns pr[…]

A constituição federal de 1988, docu[…]

vittorzao EduardoHh anaagomide

@GlendaMorais obrigada!💓

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM