Avatar do usuário
Por Steffresende
Quantidade de postagens
#116353
Policarpo Quaresma, protagonista de Lima Barreto, do clássico livro "O Triste Fim de Policarpo Quaresma", tinha como característica mais marcante um nacionalismo ufanista, acreditando em um Brasil tópico. Entretanto, os desafios encontrados para o combate à violência contra os idosos torna o país mais distante do imaginado sonhador personagem.nessa perspectiva, seja pela falta de incentivo pela população, seja pela negligência governamental, o descaso com os abusos sofridos pelos pelas pessoas idosas continuam, o que exige reflexão urgente.
Em primeira análise, o descaso estatal com o grande número de casos de violência contra idosos mostra-se um desafio a esses indivíduos que precisam de proteção, uma vez que poucos recursos são destinados pelo Estado para promover amparo aos idosos.De acordo com os dados disponibilizados pelo Disque 100, o número de chamadas para reportar algum tipo de violência contra o idoso foi de 48,5 mil de 2019 para 77 mil em 2020. Consoante é isso, faz-se mister que o Estado invista minimamente em políticas públicas para proteger e cuidar dos idosos do território brasileiro.
Somado a isso, a falta de incentiva ao governo pela população dificulta na execução de melhorias em asilos voltados para a pessoa idosa, que não é tão suficiente, pois precisa de mais fiscalização e pessoas qualificadas. Segundo o jornalista irlandês George Bernard Shaw "O Progresso é impossível sem mudanças". Analogamente, reivindicações da sociedade pela ampliação de asilos e bons profissionais voltados para o cuidado com os idosos são necessários para a realização de mudanças nessa área.
Portanto, a violência contra a pessoa idosa, no Brasil, apresenta problemas preocupantes. Para amenizar esse cenário,urge que o Estado invista, por meio de verbas governamentais, na realização de projetos sociais para idosos, a fim de dar assistência e acolhimento a essas pessoas.E ainda, cabe a população promover manifestações, através de abaixo-assinados direcionados ao governo, com o intuito de pressionar a criação de leis que funcionem, com o objetivo de acabar com os abusos sofridos por muitos idosos brasileiros. Somente assim, será possível ter uma sociedade mais segura para todos os indivíduos idosos no Brasil.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
7 Respostas 
309 Exibições
por EllenAdNaCo
0 Respostas 
62 Exibições
por skuvusgsfs
0 Respostas 
114 Exibições
por josebarros
0 Respostas 
267 Exibições
por liriell
1 Respostas 
91 Exibições
por anaclaraca04
3 Respostas 
161 Exibições
por Luanmoon17
4 Respostas 
144 Exibições
por Lari987
1 Respostas 
125 Exibições
por gabrielwyc
0 Respostas 
53 Exibições
por Victor014
4 Respostas 
226 Exibições
por remy25

"O saber fornece meios para alterar o pan[…]

JoaoPedro72 Wesley529 Ana20rosa isas522 […]

A declaração Universal dos direitos […]

O Artigo 5°. da Constituição fed[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM