Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#49594
O filme " O caminho para El Dourado" retrata que antigamente a América do Sul e seus nativos eram desvalorizados, já que essa região era o destino, como uma punição, de algumas pessoas as quais tinham realizado uma "má conduta". Do mesmo modo, hoje os povos indígenas são deixados à margem da sociedade. Isso é identificado pelo preconceito e perda da identidade, o que evidencia a necessidade de valorização desses povos no Brasil.

Nesse contexto, os índios são tratados como inferiores desde os tempos da colonização. Nesse viés, a História confirma que os europeus consideravam-se como uma "raça superior" aos indígenas. Então, esse pensamento reafirma o preconceito contra os nativos, dificultando a socialização dos indígenas com o restante da população, assim agrava o problema.

Consequentemente, no século XXI, também houve uma perda de identidade e cultura. Ainda ao analisar o passado, havia a necessidade dos jesuitas catequizarem os índios, por serem povos inferiores, ou seja, eram impostos novos costumes. Por isso, mais da metade dos indígenas com cinco anos ou mais falam português, enquanto existem poucos falando a lingua de sua etnia, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2010. Assim, esse é um dos exemplos de como os costumes estão sendo esquecidos na tentativa daqueles povos terem um maior contato com a população em geral.

Portanto, é necessário reverter tal situação. Nesse sentido, a Secretaria da Cultura, junto com o Ministério da Educação, deve promover a valorização da cultura dos índios, por meio da realização de atividades educativas sobre as diferentes etnias, como palestras e eventos que tenham a colaboração dos nativos, a fim de que os costumes indígenas sejam vistos com naturalidade e valorizados, evitando o preconceito. Desse modo, essa cultura e seu povo não serão esquecidos.


@iris.s, sou suspeita para falar desse tema, acabei me inspirando em você, mas nem assim consigo sumir com meus erros :lol:
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#49613
Ah, que fofa! Estou me achando agora. :lol: :lol: :P

Ok, não acho que sou boa com correções, mas vamos lá!

Eu adorei a introdução, mas acredito que ficaria melhor se você houvesse colocado uma virgula invés de ponto continuação e mudasse aquele isso é identificado: "... Do mesmo modo, hoje os povos indígenas são deixados à margem da sociedade, em virtude do preconceito e perda da identidade, o que evidencia a necessidade de valorização desses povos no Brasil."

OBS: Os seus conectivos ("Nesse contexto" e "Consequentemente") me deixaram em dúvida se eram válidos, então fui pesquisar e não estavam nas listas e alguns modelos de redações nota mil conectivos ao primeiro foram usados na segunda parte do parágrafo, então acredito que "Nesse contexto" seja mais empregados como uma continuação do parágrafo. Por vias das dúvidas, talvez seja melhor deixar para usar "Nesse contexto" como uma alternativa para os conectivos como além disso, ademais e afins. Enquanto ao outro poderia ser trocado por "Por consequência".

Os argumentos do seu D1 estão bom, mas faltou aprofunda-se neles para enriquecer a dissertação.

O D2 sobre a perca linguística dos povos indígenas está bom.

#DICA: caso fosse o tema do enem ou outro vestibular que você vá fazer, enriqueceria muito esse segundo paragrafo mencionar explicitamente o fato que falar a língua tupi foi proibido no Brasil no século XVIII.

Na conclusão, é bom trazer de volta os problemas ou causas expostos nos desenvolvimentos, ou seja fazer uma síntese da redação.

"Nesse sentido, a Secretaria da Cultura, junto com o Ministério da Educação"

Sobre a conclusão, nada para dizer. Ela está completa e a sua proposta é ótima, apenas tome cuidado com a parte destacada a cima por tratar-se de um segundo agente (creio que não desconta pontos, mas também não soma, talvez seja melhor trocar por "em associação com o ministério da educação/ escolas" tem uma live gravada no me salva que explica melhor isso, no momento não consigo achar ou lembro direito a razão, mas se achar te mando!).

Na obra "Utopia" do escritor inglê[…]

No Brasil, às doenças mentais vem se[…]

Promulgada pela ONU em 1948, a Declaraç&ati[…]

Olá, GlendaMorais . Eu não estou c[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM