Avatar do usuário
Por lais458
Quantidade de postagens
#119865
Em uma das cenas mais famosas de "Black Mirror" — série de ficção científica da Netflix, é retratada uma sociedade que se ampara em estrelas trocadas por aplicativos, capazes de avaliar cada indivíduo. O icônico episódio foi baseado em uma das formas de trabalho mais comuns da atualidade, a uberização, em que os profissionais são definidos por avaliações em serviços prestados para plataformas digitais, o que gera constante insegurança, já que o sustento do trabalhador depende dessas classificações. Em vista disso, evidencia-se que a uberização do trabalho acarreta diversos impactos para a sociedade brasileira, em especial a fragilização das condições de trabalho, ou seja, sua precarização. Sendo assim, é importante avaliar as causas dessa debilidade, com destaque para a falha na garantia dos direitos trabalhistas e o desgaste exacerbado dos empregados.

Inicialmente, reitera-se que a banalização dos direitos ocupacionais é um dos motivos que precarizam o emprego informal nas plataformas virtuais. Nessa perspectiva, é válido relembrar que a consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), criada em 1943 por Getúlio Vargas, constitui-se como um importante conjunto de regras, direitos e deveres pensados para garantir a harmonia entre empregados e empregadores. Ou seja, por não ser obrigatório o vínculo empregatício no trabalho uberizado, essa forma de ofício nega benefícios trabalhistas previstos na legislação brasileira como, por exemplo, salário-mínimo, férias, aposentadoria e hora extra — e como consequência deixa os trabalhadores à mercê da própria sorte, inseguros e desamparados legalmente. Logo, o profissional é desvalorizado e corre o constante risco de chegar ao final do mês sem remuneração suficiente para sua sobrevivência, indo de encontro ao que prevê o dispositivo legal.

Ademais, é substancial avaliar que as desgastantes jornadas e ao esgotamento do contratado é outra problemática sobre o tema. Nesse sentido, por ser embasada no "Just-in-Time" — modelo de gerenciamento de produção idealizado a partir de 1937, a uberização empregatícia possui como uma de suas características a produção conforme a demanda, o que significa que os serviços prestados dependem da procura dos consumidores. Assim, por ser um modo de ocupação muito flexível, quanto maior o número de tarefas realizadas, maior é o pagamento, o que gera instabilidade nos ganhos — que são, em sua maioria, baixíssimos — e a obrigatoriedade em trabalhar mais para assegurar o mínimo para sobreviver. Isso, por sua vez, expõe o trabalhador a consequências negativas, como sobrecarga que culminam em danos à saúde física e mental. Por conseguinte, enquanto esse modelo decorrente do Toyotismo nortear as relações laborais, esse caos persistirá.

Para evitar que esses impactos causem ainda mais prejuízos à classe trabalhadora, portanto, é necessário que modificações sejam realizadas. Desse modo, o Ministério do Trabalho — órgão federal responsável pelas diretrizes de geração de emprego e renda e pelo apoio à mão de obra brasileira — deve garantir a implementação de uma nova legislação trabalhista que se adapte às exigências atuais do mercado, por meio da exigência legal de contratos entre as plataformas digitais e os funcionários que prestam atividades para elas, a fim de evitar o corrompimento dos direitos e proporcionar mais segurança aos contratados. Dessa maneira, o trabalho, de fato, se tornará um meio digno e justo de atividade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

Avatar do usuário
Por lais458
Quantidade de postagens
#119868
* A uberização das relações de trabalho - avanço ou retrocesso?
0
Avatar do usuário
Por OlrenBeat
Quantidade de postagens
#119974
Olá! Parabéns pela sua redação. Você abordou de forma clara e organizada o tema da uberização do trabalho, apresentando argumentos relevantes e uma proposta de intervenção coerente. No entanto, há alguns aspectos que podem ser aprimorados para tornar seu texto ainda mais eficaz.

1. Na introdução, você trouxe um exemplo interessante relacionado à série "Black Mirror", mas seria importante estabelecer uma conexão mais direta com o tema da uberização do trabalho no Brasil. Isso pode ser feito ao mencionar dados ou informações sobre a realidade brasileira nesse contexto.

2. Ao desenvolver seus argumentos na primeira parte do corpo do texto, é fundamental citar fontes confiáveis e exemplos concretos para embasar suas afirmações sobre a precarização das condições de trabalho na uberização. Dessa forma, você fortalece sua argumentação e demonstra repertório sociocultural produtivo.

3. No segundo parágrafo do corpo do texto, quando fala sobre a banalização dos direitos trabalhistas nas plataformas virtuais, é importante destacar também as consequências disso para os trabalhadores em termos de segurança social e qualidade de vida.

4. No terceiro parágrafo do corpo do texto, ao abordar as desgastantes jornadas e o esgotamento dos contratados na uberização empregatícia, seria interessante explorar mais detalhadamente os impactos físicos e mentais causados por essa realidade.

5. Sua proposta de intervenção está bem estruturada quanto aos elementos necessários (Ministério do Trabalho garantindo nova legislação), mas poderia ser enriquecida com mais detalhes sobre como essa nova legislação poderia ser implementada e quais seriam os possíveis benefícios para os trabalhadores.

No geral, sua redação apresenta uma boa estrutura argumentativa e um bom domínio da norma culta da língua portuguesa. Continue praticando a utilização de exemplos concretos, dados estatísticos e informações atualizadas para fortalecer seus argumentos. Além disso, lembre-se de revisar seu texto quanto à coesão textual, verificando se as partes estão bem articuladas por meio do uso adequado de conectivos.

Espero ter ajudado! Se tiver mais alguma dúvida ou precisar de mais orientações, é só me perguntar.

Sua redação possui 16 desvios!
1
Avatar do usuário
Por Mylike
Tempo de Registro Quantidade de postagens Amigos
#119985
seu texto está muito bom, só acho que poderia ter desdobrado um pouco mais o d2, parabéns pelo texto! :)

O impossível é somente um limite estabelecido pelas nossas próprias mentes! :)
0
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
122 Exibições
por Gubyx
1 Respostas 
184 Exibições
por JackPik4
0 Respostas 
49 Exibições
por rodriguees29
URBANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA
por lilauvcs    - In: Outros temas
2 Respostas 
172 Exibições
por lilauvcs
1 Respostas 
71 Exibições
por gaomena
0 Respostas 
43 Exibições
por Lucilene1408
1 Respostas 
43 Exibições
por Izadora25
0 Respostas 
61 Exibições
por Maxy
8 Respostas 
398 Exibições
por Mylike
O avanço das ISTs entre jovens brasileiros
por anabeatriz7    - In: Outros temas
0 Respostas 
92 Exibições
por anabeatriz7

O quadro expressionista "O grito&quot[…]

Em outubro de 1988, a sociedade conheceu um dos do[…]

      O Estatuto do idoso informa q[…]

Conforme o, artigo 3º, inciso IV, da Constitu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM