Avatar do usuário
Por Theuxx
Quantidade de postagens
#94890
A telenovela que surgiu em 1950 sempre ocupou um lugar de destaque nos lares brasileiros, famílias inteiras param para assistir as grandiosas produções, que segundo muitos telespectadores “é o retrato da vida real”. Mas será que é mesmo? Os negros representam mais de 50% da população brasileira, mas ainda há pouco espaço para eles na teledramaturgia. Nessa perspectiva, entende-se a presença do preconceito na mídia brasileira. Assim, mostra-se relevante pensar nos obstáculos para a representação do negro na televisão brasileira, uma vez que o racismo estrutural e a forma como o negro é retratado pela mídia configuram os maiores obstáculos desse cenário.

De início, é notório destacar que há um racismo enraizado no Brasil, segundo Carl E. James, a sociedade é estruturada de maneira a excluir um número substancial de minorias da participação em instituições sociais. Nesse contexto entende-se a segregação dos negros em todos os âmbitos da sociedade brasileira. Essa raiz está presente no Brasil desde sua colonização com a escravização dos negros e indígenas e pela permanência de ideias de raças superiores as outras. Segundo Albert Einstein, físico alemão: É mais fácil desintegrar um átomo do que um preconceito.

Ademais, ressalta-se a forma como o negro é retratado pela mídia, segundo o cineasta e pesquisador Joel Zito Araújo, “a televisão brasileira precisa dar um novo passo para construir um paradigma, que é o paradigma da diversidade”. Tanto na ficção como no jornalismo os negros são deixados de lado, nas novelas o papel do negro é sempre cheio de estereótipos, ou são ladrões, ou são empregados e serviçais, pouco se vê negros como protagonistas. Sendo assim, torna-se urgente evidenciar o abismo que se criou entre os brancos e negros na sociedade brasileira.

Com o objetivo de atenuar a de falta representação do negro na televisão brasileira, cabe à sociedade brasileira conscientizar-se do racismo estrutural, procurando se educar sobre o assunto para combate-lo. Ademais, cabe à Mídia combater o racismo estrutural por meio de cenas de novelas, notícias, debates, mostrando à população o quanto é ruim o racismo. Outrossim, cabe à justiça brasileira julgar e condenar aqueles que segregam os negros por causa da cor deles. Por fim cabe à iniciativa privada incluir mais negros nas propagandas, procurando ter mais inclusão. A partir dessas ações, espera-se promover uma melhora no que tange à questão da falta de representação do negro na televisão brasileira.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
3649 Exibições
por mour4nim
2 Respostas 
711 Exibições
por mariastein13
0 Respostas 
230 Exibições
por gabyA
0 Respostas 
207 Exibições
por Theuxx
1 Respostas 
153 Exibições
por Casey12
0 Respostas 
104 Exibições
por Joseph0li
1 Respostas 
191 Exibições
por Casey12
0 Respostas 
286 Exibições
por Dudalima00
A representação negra na mídia brasileira
por mikahk    - In: Outros temas
5 Respostas 
560 Exibições
por Aika
0 Respostas 
112 Exibições
por Jaque13

Oii Ana, tb nao sou expert mas vou tentar ajudar. […]

mordekaiser cara vi sua redação d[…]

dwnieel oiii, nao sou especialista em corre&cce[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM