Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#60049
Na música “Pretty Hurts”, da cantora Beyoncé, é retratada, em toda a letra, a dor e o sofrimento para alcançar os padrões de beleza ditados pela sociedade. Confirmando tais máximas expostas na música, a realidade do Brasil contemporâneo, moldado pela mídia, afeta demasiadamente a vida de muitas pessoas, que submetem a circunstâncias de risco à saúde.
Em primeira análise, é válido ressaltar a relevância da mídia para a construção de ideias coletivas. Com a ascensão das redes sociais, é notório a existência de um padrão físico socialmente aceito. O “Instagram”, aplicativo considerado atualmente um dos mais populares, os grandes influenciadores mundiais ainda difundem de forma massiva um estilo de vida totalmente voltado aos excessos estéticos, apresentando características perfeitas, fruto de manipulações digitais, sem se preocuparem com os impactos que isso pode gerar no público que os acompanham, especialmente aqueles com baixa autoestima, levando ao aumento dos distúrbios mentais ou alimentares.
Ademais, a banalização das práticas de intervenção estética contribui para a existência dessa problemática. Recentemente, por meio de um método de divulgação denominado “permuta”, os grandes influenciadores brasileiros vêm promovendo uma alta busca por procedimentos cirúrgicos como a harmonização facial e a lipoaspiração de alta definição. Aliado a isso, aumentam os inúmeros casos de falsos profissionais que se apresentam como alternativas rápidas e seguras para pessoas que buscam esses procedimentos, uma vez que, o indivíduo sente-se pressionado a realizar esse tipo de prática, sem saber a respeito dos efeitos colaterais e em casos graves, resultando na própria morte.
Infere-se, portanto, que medidas são necessárias para a quebra dos padrões estéticos impostos pela sociedade. Cabe ao Ministério da Saúde, órgão responsável por manter uma qualidade de vida a população, em parceria com a família, a criação de campanhas que ressaltem a importância da autoaceitação, por meio de palestras com psicólogos e do diálogo com os jovens, principal grupo afetado, a fim de melhorar a autoestima e acolher toda aos que vivem nesse contexto. Desse modo, será possível estabelecer uma sociedade mais harmoniosa e sem qualquer tipo de preconceito.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A pandemia de negacionismo no mundo

Sob a perspectiva histórica, é fato[…]

Em uma sociedade onde ler se tornou tedioso, utili[…]

• O Aumento dá violência contra […]

Akirakun18 , Andree Desculpa te incomodar,mas […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM