Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#53756
“A Carta”, obra quinhentista da literatura de informação de Pero Vaz de Caminha, do século XVI, documenta as belezas ainda não profanadas de um Brasil pré-colonial. Contudo, tais riquezas encontram-se fragilizadas, na realidade hodierna, em razão do intenso descarte de resíduos sólidos que agridem constantemente o solo tupiniquim. Nesse sentido, é notório que essa situação configura-se um preocupante obstáculo a ser superado pelo governo e pela sociedade, haja vista alguns aspectos que corroboram tal conjuntura, como a precária destinação correta do lixo à coleta seletiva e a negligência da mídia na conscientização dos indivíduos. Dessa forma, deliberações são imprescindíveis para alterar o panorama vigente.
A priori, vale ressaltar que o Poder Público não efetiva meios adequados para o descarte dos resíduos sólidos produzidos na contemporaneidade. Segundo a Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe), em 2014, apenas cerca de 40% do lixo coletado destina-se ao local correto. Tal estatística comprova a ausência de políticas públicas que prezem pela ampliação de aterros sanitários e dos locais de reciclagem dos detritos produzidos. Conforme os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS), propostos pela Organização das Nações Unidas, é necessário efetivar caminhos que consolidem a ascensão de cidades e comunidades sustentáveis, dotadas de medidas para a diminuição da poluição urbana. Logo, é inegável que o Estado promova diretrizes que favoreçam a ODS.
Outrossim, convém salientar que a omissão dos meios de comunicação atua como catalizadora da problemática social. Consoante ao sociólogo francês Pierre Bourdieu, a mídia opera como elemento de opressão simbólica, mesmo com o papel de consolidação da democracia. Sob esse viés, é perceptível a precária participação midiática ao não evidenciar à parcela da população os fatores de risco que o manejo inadequado dos resíduos sólidos sujeita o meio ambiente e, concomitantemente, alertar de forma consistente sobre a necessidade de separar o lixo orgânico e o reciclável. Não obstante, a imprensa utiliza-se de mecanismos distratores e de alienação crítica, para desviar a atenção do público-alvo das questões sociais. Assim, ações são intrínsecas para atenuar o impasse.
Portanto, ao analisar a exígua assistência estatal e o silêncio midiático, constata-se a influência desses na manutenção do entrave. Posto isso, compete ao Ministério do Meio Ambiente, órgão do Estado, promover políticas que visem a expansão de aterros sanitários em locais apropriados e de transportes que recolham o material reciclável de todas as regiões do Brasil, por meio da inserção de investimentos na Lei de Diretrizes Orçamentárias, com o fito de reduzir a poluição ambiental. Ademais, cabe à mídia, elemento de persuasão, em parceria às ONGs, como a Fundação SOS Mata Atlântica, divulgar conteúdos informativos nas redes sociais e televisão de canal aberto, em horários nobres, que objetivem conscientizar a população acerca do descarte correto do resíduos sólidos, a fim de proporcionar o devido conhecimento sobre os riscos iminentes da questão do lixo na sociedade brasileira. Destarte, certamente, todas as pessoas contemplarão a natureza vislumbrada por Pero Vaz.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

No Brasil todos os tipos de violência contra[…]

Oii Iss, não consigo colorir aqui, ent&ati[…]

Na constituição Federal de 1988 no […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM