Avatar do usuário
Por leticiaa2
Quantidade de postagens
#124747
"Os fatos não deixam de existir só porque são ignorados." A Declaração realizada pelo escritor e filósofo inglês Aldous Huxley, ao ser analisada sob a atual conjuntura do país, permite-se refletir sobre como a evasão escolar está sendo negligenciada no Brasil, pois estabelece afetando a vida de muitas pessoas. Nesse sentido, fatores como a desigualdade social e o bullying nas escolas, não podem ser desprezados, visto que esses são os principais elementos relacionados com a problemática.

A Constituição Federal promulgada em 1988, ampliou os limites tradicionais da democracia brasileira, ao estender o direito a educação para toda a população, todavia, é importante salientar que tal prerrogativa não está sendo totalmente garantida, tendo em vista que a desigualdade social existente no país, causa a evasão escolar, pois a dificuldade financeira faz com que os jovens precisem trabalhar desde cedo, abandonando a escola e seus sonhos.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 40% dos estudantes admitiram ter sofrido bullying na escola, e 24,1% declararam aos pesquisadores um mal-estar em que sentem que “a vida não vale a pena”. Devido ao bullying, os alunos passaram a se sentir desprotegidos ao estar naquele espaço, podendo desenvolver transtornos psicológicos, perdendo a motivação de ir á escola. Logo, é inadmissível que esse cenário continue a perdurar.

Depreende-se, portanto, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso é imprescindível que o Ministério da Educação por meio de programas, invista na distribuição de renda para alunos com dificuldades financeiras, para garantir que todos tenham direito a educação. Além disso, é crucial que a Gestão Escolar deve instituir nas escolas palestras ministradas por psicólogos, que discutam o combate ao bullying, a fim de promover reflexão. A partir dessas ações, poderá se consolidar uma sociedade justa e igualitária.

@Drpdc
@Eli79
Olá, Poderiam corrigir por favor?
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

Avatar do usuário
Por leticiaa2
Quantidade de postagens
#124766
leticiaa2 escreveu:"Os fatos não deixam de existir só porque são ignorados." A Declaração realizada pelo escritor e filósofo inglês Aldous Huxley, ao ser analisada sob a atual conjuntura do país, permite-se refletir sobre como a evasão escolar está sendo negligenciada no Brasil, pois está afetando a vida de muitas pessoas. Nesse sentido, fatores como a desigualdade social e o bullying nas escolas, não podem ser desprezados, visto que esses são os principais elementos relacionados com a problemática.

A Constituição Federal promulgada em 1988, ampliou os limites tradicionais da democracia brasileira, ao estender o direito a educação para toda a população, todavia, é importante salientar que tal prerrogativa não está sendo totalmente garantida, tendo em vista que a desigualdade social existente no país, causa a evasão escolar, pois a dificuldade financeira faz com que os jovens precisem trabalhar desde cedo, abandonando a escola e seus sonhos.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 40% dos estudantes admitiram ter sofrido bullying na escola, e 24,1% declararam aos pesquisadores um mal-estar em que sentem que “a vida não vale a pena”. Devido ao bullying, os alunos passaram a se sentir desprotegidos ao estar naquele espaço, podendo desenvolver transtornos psicológicos, perdendo a motivação de ir á escola. Logo, é inadmissível que esse cenário continue a perdurar.

Depreende-se, portanto, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso é imprescindível que o Ministério da Educação por meio de programas, invista na distribuição de renda para alunos com dificuldades financeiras, para garantir que todos tenham direito a educação. Além disso, é crucial que a Gestão Escolar deve instituir nas escolas palestras ministradas por psicólogos, que discutam o combate ao bullying, a fim de promover reflexão. A partir dessas ações, poderá se consolidar uma sociedade justa e igualitária.

@Drpdc
@Eli79
Olá, Poderiam corrigir por favor?
0
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
evasão escolar em questão no brasil
por Joycevito    - In: Outros temas
0 Respostas 
123 Exibições
por Joycevito
Evasão escolar em questão no Brasil
por Lourencosg    - In: Outros temas
9 Respostas 
490 Exibições
por Eli79
A evasão escolar em questão no Brasil
por Carol252728    - In: Outros temas
0 Respostas 
87 Exibições
por Carol252728
Evasão escolar em questão no Brasil
por Carol252728    - In: Outros temas
2 Respostas 
192 Exibições
por mari799
Evasão escolar em questão no Brasil
por Carol252728    - In: Outros temas
0 Respostas 
63 Exibições
por Carol252728
Evasão escolar em questão no Brasil
por Carol252728    - In: Outros temas
1 Respostas 
84 Exibições
por Carol252728
A Questão da Evasão Escolar no Brasil
por Lyh0610    - In: Outros temas
0 Respostas 
49 Exibições
por Lyh0610
A evasão escolar em questão no Brasil
por 123Isabella    - In: Outros temas
0 Respostas 
55 Exibições
por 123Isabella
A Questão da Evasão Escolar no Brasil
por Lyh0610    - In: Outros temas
6 Respostas 
139 Exibições
por Lyh0610
1 Respostas 
168 Exibições
por annaluiza5

@Triny206 @Amandx193 @Flicker2307 @Felipe082 Eaiii[…]

Bancos na era digital

na atualidade o setor bancário, tem passado[…]

Conforme o estatuto da pessoa com deficiênci[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM