Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#56465
Na música "Maria da Vila Matilde - Elza Soares" a canção retrata a repulsa da mulher pelo companheiro devido à uma agressão física. Infelizmente a realidade no Brasil é fidedignamente condizente com a música, tais abordagens são ligadas a cultura do machismo e opressão feminina.
Tal conjuntura se deve ao fato, da criação da personificação do homem como objeto de valor, para a família o filho "homem" mais esperado. E para a sociedade o "homem" que será melhor aproveitado. Julgado como o melhor dos gêneros. A série televisiva "Todo Mundo odeia o Chris" no episódio em que o personagem Drew recebe muitos presentes no dia dos namorados de diferente mulheres, e sua irmã Tônia é repreendida pelo pai por enviar um cartão de felicitações para o seu namorado. Pode-se afirmar que duas pessoas não tem o mesmo direito independente da identidade de gênero. Em contrapartida, exemplificando o lado da mulher que se relaciona com um homem que é criado em um lar desigualitário ter que lidar com inúmeros abusos. O caso mais conhecido no Brasil é o da Maria da Penha. Viveu uma vida de ataques do seu parceiro com o qual apesar da separação foi agredida pelo mesmo, deixando-a paraplégica.
Consequentemente de veras, mulheres nessa situação geralmente são dependentes de seus agressores, tanto emocionalmente quanto financeiramente. A impossibilidade de por fim ao relacionamento leva ao aumento do feminicídio diretamente desestruturando famílias brasileiras.
Portanto medidas são necessárias para resolver o impasse. O ministério da mulher, da família e dos direitos humanos deve propor, por meio de, um projeto de lei e entregar a Câmara dos deputados. É preciso constar no documento tais medidas: toda e qualquer pessoa que presenciar violências físicas, verbais, patrimoniais, psicológicas sexuais ou através dos filhos tem por dever acionar as autoridades mesmo sem o consentimento da vítima, e se não o fizer correrá risco de ser detido por omissão de socorro. Espera-se que com essa ação seja freada a persistência da violência contra a mulher no Brasil .
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com estrutura sintática mediana para o grau de escolaridade exigido, porém com alguns desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

#56475
Julianaiam escreveu:Na música "Maria da Vila Matilde - Elza Soares" a canção retrata a repulsa da mulher pelo companheiro devido à uma agressão física. Infelizmente a realidade no Brasil é fidedignamente condizente com a música, tais abordagens são ligadas a cultura do machismo e opressão feminina.
Tal conjuntura se deve ao fato, da criação da personificação do homem como objeto de valor, para a família o filho "homem" mais esperado. E para a sociedade o "homem" que será melhor aproveitado. Julgado como o melhor dos gêneros. A série televisiva "Todo Mundo odeia o Chris" no episódio em que o personagem Drew recebe muitos presentes no dia dos namorados de diferente mulheres, e sua irmã Tônia é repreendida pelo pai por enviar um cartão de felicitações para o seu namorado. Pode-se afirmar que duas pessoas não tem o mesmo direito independente da identidade de gênero. Em contrapartida, exemplificando o lado da mulher que se relaciona com um homem que é criado em um lar desigualitário ter que lidar com inúmeros abusos. O caso mais conhecido no Brasil é o da Maria da Penha. Viveu uma vida de ataques do seu parceiro com o qual apesar da separação foi agredida pelo mesmo, deixando-a paraplégica.
Consequentemente de veras, mulheres nessa situação geralmente são dependentes de seus agressores, tanto emocionalmente quanto financeiramente. A impossibilidade de por fim ao relacionamento leva ao aumento do feminicídio diretamente desestruturando famílias brasileiras.
Portanto medidas são necessárias para resolver o impasse. O ministério da mulher, da família e dos direitos humanos deve propor, por meio de, um projeto de lei e entregar a Câmara dos deputados. É preciso constar no documento tais medidas: toda e qualquer pessoa que presenciar violências físicas, verbais, patrimoniais, psicológicas sexuais ou através dos filhos tem por dever acionar as autoridades mesmo sem o consentimento da vítima, e se não o fizer correrá risco de ser detido por omissão de socorro. Espera-se que com essa ação seja freada a persistência da violência contra a mulher no Brasil .

Atualmente existem muitas crianças, adolesc[…]

francis , 🤍🤍🤍 O projeto é muito importante[…]

A Desigualdade socialno brasil

. A desigualdade social é um problema q[…]

GabiNatali , obrigada pela correçã[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM