• Avatar do usuário
#69283
De acordo com o sociólogo polonês Zygmunt Bauman na obra "Modernidade Líquida", a sociedade pós-moderna é representada pela fluidez e volatilidade. Nesse sentido, nota-se que essas relações transitórias, na sociedade hodierna brasileira, ocorrem devido a persistência de relacionamentos abusivos. Sob tal viés, é notório que isso acontece em razão de ações hierarquizadas e ainda pela negligência no ambiente profissional.

        Inicialmente, é de suma importância ratificar que os acontecimentos transmitidos de geração em geração são um dos motivos que refletem os abusos pessoais na atualidade. Nessa perspectiva, no livro "O conto da Aia", relata o mundo após uma Guerra Civil em que as mulheres são submissas aos homens, vivendo em uma sociedade machista e patriarcal. Sendo assim, não tão distante da realidade, mesmo que isso tenha sido um costume dos ancestrais, a mulher ainda é vista como inferior e símbolo de maternidade, voltada às atividades domiciliares, e caso haja discordância com o marido são severamente julgadas, fato que precisa ser mudado para não repercutir no futuro.

        Outrossim, faz-se mister expor que além dos abusos residências, o autoritarismo e desrespeito também se faz presente na relações trabalhistas. Nessa instância, na série norte- americana "Grey's Anatomy", a personagem Cristina Yang passa por momentos de fragilidade emocional e consequentemente desafios no trabalho após romance conturbado com Burke, no qual ela exercia submissão. Dessa forma, concomitantemente ao que foi retratado na série, os relacionamentos abusivos também estão presentes no ambiente de trabalho -seja por parceiros ou até mesmo colegas de trabalho-, no qual se torna potencializador das injúrias nas relações de direitos e coibe para que a sociedade, principalmente as mulheres, se encontrem refém de violência psicológica ou em casos extremos, física.

            Portanto, medidas são necessárias para minimizar a problemática das relações sociais que ofuscam a liberdade no Brasil. Assim, é fundamental que o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos em parceria com o Poder Executivo, promova a eficácia da lei já existente em relação aos direitos em comunidade e no ambiente de trabalho, por meio do reforço das questões administrativas com a adição de sites de denúncia anônima criada pela própria instituição, seja para assédios no trabalho ou para que seus funcionários possam fazer denúncias pessoais, com o intuito de haver uma maior segurança dos individuos e mais meios de delação. Dessa maneira, caso essas medidas sejam colocadas em prática, mesmo que as relações líquidas ainda permaneçam, não serão devido os abusos nas relações.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Sua redação está maravilhosa[…]

Acesso ao cinema

Segundo o Artigo 215 da Constituição[…]

Educação inclusiva é o nome d[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM