Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#43801
A série brasileira, “Bom dia, Verônica”, da “Netflix”, aborda a realidade da violência contra a mulher, demonstra o medo das vítimas em denunciar, a atuação da polícia e a frustração com a soltura do agressor. Observa-se que a narrativa da série não se distancia tanto da realidade do país, que apesar de ter medidas e legislações vigentes para o combate desses crimes, ainda não se tem como resultado a diminuição da taxa dos casos.

Primeiramente, é possível notar que as taxas de violência não reduziram, principalmente na pandemia do covid-19, que houve um aumento de 40% dos casos. De fato, a violência doméstica é o principal problema dessa vertente, já que 70% das vítimas são agredidas pelo companheiro. Logo, não restam dúvidas que os meios vigentes não estão sendo suficientes para combater a agressão contra a mulher.

Além disso, outro fato a ser abordado seria o efeito do machismo na sociedade, devido à culpabilização da vítima, de acordo com pesquisas da Datafolha, mais de 33% da população julga a mulher culpada pela violência sofrida. Consequentemente, as vítimas tendem a ter medo de denunciar ou de prosseguir com o processo, em vista do julgamento e da falta de apoio social. Em vista disso, é fundamental a divulgação dos casos na mídia e a atuação dos movimentos feministas.

Portanto, é essencial dar continuidade as políticas públicas referentes a este assunto. Em suma, é preciso que o governo, por intermédio do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, avalie melhor as atuais medidas protetivas concedidas às vítimas e desenvolva medidas mais eficazes, como o botão do pânico e as casas de abrigo para o acolhimento das vítimas, por meio de projetos da câmara dos deputados e da atuação das delegacias especializadas em atendimento à mulher, a fim de alcançar a redução do número dos casos de violência e feminicídio. Assim, as mulheres estarão mais protegidas e confiantes para denunciar seus agressores.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 144

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 172

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#43895
jherodrigues escreveu:Quando alguém puder corrigir, por favor! :D
@GlendaMorais @Ashiley @Jeniffeeee


Acho que estão dando nota mil sem muito critério :? @Francis Bacon
Você pode solicitar para que a pessoa se justifique. Caso ela não responda, é só me marcar que eu removo a pontuação sem problemas.
obg
#43909
Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Arrematação de tese na conclusão
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Termos coesivos
Comentários

A série brasileira, “Bom dia, Verônica”, da “Netflix”, aborda a realidade da violência contra a mulher, demonstra o medo das vítimas em denunciar, a atuação da polícia e a frustração com a soltura do agressor. Observa-se que a narrativa da série não se distancia tanto da realidade do país, que apesar de ter medidas e legislações vigentes para o combate desses crimes, ainda não se tem como resultado a diminuição da taxa dos casos.( Boa! Contextualiza, apresenta o tema , porém não apresenta a tese. Aconselho que esclareça a tese na próxima ok!)

Primeiramente, é possível notar que as taxas de violência não reduziram, principalmente na pandemia do covid-19, que houve um aumento de 40% dos casos. De fato, a violência doméstica é o principal problema dessa vertente, já que 70% das vítimas são agredidas pelo companheiro. Logo, não restam dúvidas que os meios vigentes não estão sendo suficientes para combater a agressão contra a mulher.( Nesse desenvolvimento achei que não apresentou a argumentação e abordagem do tema. Aconselho a estruturar melhor suas ideias! )

Além disso, outro fato a ser abordado seria o efeito do machismo na sociedade, devido à culpabilização da vítima, de acordo com pesquisas da Datafolha, mais de 33% da população julga a mulher culpada pela violência sofrida. Consequentemente, as vítimas tendem a ter medo de denunciar ou de prosseguir com o processo, em vista do julgamento e da falta de apoio social. Em vista disso, é fundamental a divulgação dos casos na mídia e a atuação dos movimentos feministas.( Nesse desenvolvimento noto que sua argumentação foi rasa e delimitada. Aconselho a aprofundar mais suas ideias. Sua arrematação de tese também não está pertinente. Nela diz que o problema precisa de solução, algo a ser dito na conclusão, logo, desnecessário trazer isso para o desenvolvimento! Apenas retome a ideia do tópico frasal!)

Portanto, é essencial dar continuidade as políticas públicas referentes a este assunto. Em suma, é preciso que o governo, ( Agente)por intermédio do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos( Meio), avalie melhor as atuais medidas protetivas concedidas às vítimas e desenvolva medidas mais eficazes( Ação), como o botão do pânico e as casas de abrigo para o acolhimento das vítimas,( Detalhamento) por meio de projetos da câmara dos deputados e da atuação das delegacias especializadas em atendimento à mulher( Meio), a fim de alcançar a redução do número dos casos de violência e feminicídio( Finalidade). Assim, as mulheres estarão mais protegidas e confiantes para denunciar seus agressores.( Conclusão completa ! Parabéns!)

Sua redação não é ruim, mas carece de aspectos relevantes. Estude argumentação, tese, arrematação de tese e estrutura de redação.
No mais, é só!
Espero a próxima! :D
#43912
GlendaMorais escreveu:Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Tópico Frasal
Dados
Argumentação
Arrematação da Tese
Arrematação de tese na conclusão
Elementos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Termos coesivos
Comentários

A série brasileira, “Bom dia, Verônica”, da “Netflix”, aborda a realidade da violência contra a mulher, demonstra o medo das vítimas em denunciar, a atuação da polícia e a frustração com a soltura do agressor. Observa-se que a narrativa da série não se distancia tanto da realidade do país, que apesar de ter medidas e legislações vigentes para o combate desses crimes, ainda não se tem como resultado a diminuição da taxa dos casos.( Boa! Contextualiza, apresenta o tema , porém não apresenta a tese. Aconselho que esclareça a tese na próxima ok!)

Primeiramente, é possível notar que as taxas de violência não reduziram, principalmente na pandemia do covid-19, que houve um aumento de 40% dos casos. De fato, a violência doméstica é o principal problema dessa vertente, já que 70% das vítimas são agredidas pelo companheiro. Logo, não restam dúvidas que os meios vigentes não estão sendo suficientes para combater a agressão contra a mulher.( Nesse desenvolvimento achei que não apresentou a argumentação e abordagem do tema. Aconselho a estruturar melhor suas ideias! )

Além disso, outro fato a ser abordado seria o efeito do machismo na sociedade, devido à culpabilização da vítima, de acordo com pesquisas da Datafolha, mais de 33% da população julga a mulher culpada pela violência sofrida. Consequentemente, as vítimas tendem a ter medo de denunciar ou de prosseguir com o processo, em vista do julgamento e da falta de apoio social. Em vista disso, é fundamental a divulgação dos casos na mídia e a atuação dos movimentos feministas.( Nesse desenvolvimento noto que sua argumentação foi rasa e delimitada. . Aconselho a aprofundar mais suas ideias. Faltou o tópico frasal no início do parágrafo e sua arrematação de tese também não está pertinente. Nela diz que o problema precisa de solução, algo a ser dito na conclusão, logo, desnecessário trazer isso para o desenvolvimento! Apenas retome a ideia do tópico frasal!)

Portanto, é essencial dar continuidade as políticas públicas referentes a este assunto. Em suma, é preciso que o governo, ( Agente)por intermédio do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos( Meio), avalie melhor as atuais medidas protetivas concedidas às vítimas e desenvolva medidas mais eficazes( Ação), como o botão do pânico e as casas de abrigo para o acolhimento das vítimas,( Detalhamento) por meio de projetos da câmara dos deputados e da atuação das delegacias especializadas em atendimento à mulher( Meio), a fim de alcançar a redução do número dos casos de violência e feminicídio( Finalidade). Assim, as mulheres estarão mais protegidas e confiantes para denunciar seus agressores.( Conclusão completa ! Parabéns!)

Sua redação não é ruim, mas carece de aspectos relevantes. Estude argumentação, tese, arrematação de tese e estrutura de redação.
No mais, é só!
Espero a próxima! :D
Sua nota ficou 800!
Espero ter ajudaod! ;)
#43913
@jherodrigues, oi!

Legenda:
ERRO
SUBSTITUIÇÃO/SUGESTÃO
MELHORÁVEL
DESNECESSÁRIO
(IDENTIFICAÇÃO DOS 5 ELEMENTOS)
(MEUS COMENTÁRIOS)
REPETIÇÃO

A série brasileira, “Bom dia, Verônica”, da “Netflix”, aborda a realidade da violência contra a mulher, demonstra o medo das vítimas em denunciar, a atuação da polícia e a frustração com a soltura do agressor. Observa-se que a narrativa da série não se distancia tanto da realidade do país, que apesar de ter medidas e legislações vigentes para o combate desses crimes, ainda não se tem como resultado a diminuição da taxa dos casos.
PS: Poderia ter contextualizado melhor, mas a intro apresenta tudo que é necessário.

Primeiramente, é possível notar que as taxas de violência não reduziram, principalmente na pandemia do covid-19, que houve um aumento de 40% dos casos. De fato, a violência doméstica é o principal problema dessa vertente, já que 70% das vítimas são agredidas pelo companheiro. Logo, não restam dúvidas que os meios vigentes não estão sendo suficientes para combater a agressão contra a mulher.
PS: Argumentação nula, não existe. Você só apresentou o repertório e não o desenvolveu, isso te prejudica muito na C3. Por favor, tente ao máximo bolar uma argumentação, viu?!

Além disso, outro fato a ser abordado seria o efeito do machismo na sociedade, devido à culpabilização da vítima, . D de acordo com pesquisas da Datafolha, mais de 33% da população julga a mulher culpada pela violência sofrida. Consequentemente, as vítimas tendem a ter medo de denunciar ou de prosseguir com o processo, em vista do julgamento e da falta de apoio social. Em vista disso, é fundamental a divulgação dos casos na mídia e a atuação dos movimentos feministas.
PS: Aqui já tivemos um pouco de opinião formada, poderia se aprofundar mais ainda e tornar o argumento mais convicente para o leitor, mas esse D2 ficou melhor que o D1.

Portanto, é essencial dar continuidade as às políticas públicas referentes a este esse assunto. Em suma, é preciso que o governo (agente), por intermédio do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (meio), avalie melhor as atuais medidas protetivas concedidas às vítimas e desenvolva medidas mais eficazes, como o botão do pânico e as casas de abrigo para o acolhimento das vítimas (ação+detalhamento ação), por meio de projetos da câmara dos deputados e da atuação das delegacias especializadas em atendimento à mulher (meio II), a fim de alcançar a redução do número dos casos de violência e feminicídio (finalidade). Assim, as mulheres estarão mais protegidas e confiantes para denunciar seus agressores.
PS: Existe alguns corretores que não aconselham usar um possível agente como meio, igual você fez com o Ministério da Mulher, NÃO tenho certeza se é errado. De início achei que a proposta estivesse incompleta, mas agora relendo acho que está completa sim.

A minha maior dica é que você tente desenvolver mais a argumentação, isso vai melhorar bastante a sua C3 e C2!
Qualquer dúvida estou à disposição! Bons estudos ;)

As fakes news, são as notícias falsa[…]

Com a descoberta do coronavírus em Wuhan, c[…]

Automedicação no Brasil

Ashiley pode dar uma olhada

A grande jogadora de futebol feminino Marta, quebr[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM