Por AboutBlank
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#18493
Em algumas sociedades antigas, já foi um sinônimo de riqueza, prosperidade e fertilidade, entretanto, hodiernamente, é uma das principais doenças que acomete os indivíduos brasileiros: a obesidade. Doença crônica advinda de um conjunto de fatores relativos ao estilo de vida de cada pessoa e, em alguns casos, provem de circunstâncias genéticas e hereditárias. Para tanto, faz-se necessário discutir sobre os hábitos que acarretam a obesidade e a influência da sociedade moderna nesse cenário.
Em primeira análise, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo Ministério da Saúde no ano de 2018, mais da metade da população brasileira está acima do peso, demonstrando, assim, um fator preocupante relacionado à saúde dos indivíduos e, consequentemente, à saúde pública de um modo geral. Cumpre destacar que um dos principais parâmetros para a análise da obesidade e do sobrepeso na população é o IMC, índice de massa corporal, que é um cálculo efetuado a partir das medidas de altura e peso. Nesse contexto, a obesidade é uma doença crônica que está para além de métricas corporais, mas também uma aliada ao desmembramento de novas doenças como, por exemplo, a diabetes e a hipertensão arterial.
Outrossim, os maus hábitos são percussores no desenvolvimento da obesidade, em que os fast-foods são um dos pilares para uma má educação alimentar, principalmente, em relação às crianças e aos adolescentes. Ademais, o sedentarismo é um dos principais causadores da obesidade, pois a falta de exercícios físicos corrobora para que, além de uma alimentação inadequada, o gasto calórico diário seja mínimo e acarrete o acúmulo de tecido adiposo no organismo. Nesse contexto, vale salientar que a falta de tempo, pautada em uma sociedade em que é movida pelo consumo e pelos meios tecnológicos, causa também a obesidade, porquanto a rotina corrida influencia no consumo de comidas instantâneas, ricas em carboidratos e sódio, e, praticamente, não há um tempo adequado para a prática de exercícios físicos diários.
Portanto, a obesidade é gerada por diversos fatores que podem ser modificados e corrigidos a fim de trazer bem-estar e saúde para a coletividade. Dessa forma, o Ministério da Saúde, integrado às escolas e às empresas, deve desenvolver ações e palestras com o auxílio de médicos, nutricionistas, profissionais da educação física e psicólogos no intuito de apresentar bons hábitos para combater a obesidade, com a orientação para uma alimentação saudável dentro e fora de casa e a prática de atividades físicas laborais para os trabalhadores que não têm tempo horário disponível. Por conseguinte, o problema da obesidade será, gradativamente, diminuído, e a educação para hábitos saudáveis será fortalecida.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Por Mateuscs120
Tempo de Registro
#20845
A população brasileira tem um índice de obesidade muito grande, pessoas que não tem boa educação alimentar e exageram na hora da refeição, a maioria não liga para sua situação pois acha comum ou já está acomodada com a situação.
Muitos casos são relacionados a pessoas que passam o dia sentado em frente a um computador se alimentando mal e se movimentando pouco (pessoas que trabalham em escritórios) , essas acabam passando o dia assim e durante a noite ao chegar em casa cansado resolver se render aos fastfoods e em seguida se acomodar no sofar ou na cama.
Empresas dos dias atuais utilizam como método preventivo de obesidade nós escritório um programa oferecido aos funcionários ondem eles tem direito a alongamentos e exercícios diários no intervalo do trabalho pra evitar sequelas futuras.
Muitos não vêem mais isso é uma verdadeira doença que vem tomando conta da sociedade de forma absurda ,onde quem está caminhando para a obesidade não consegue enxerga e que já está obeso prefere ficar daquela maneira para evitar o cansado. sim é uma coisa muito difícil de lidar, mas tem que se tentar e tentar até ter resultado, e o mínimo que se pode fazer para sair desse caminho.

Nos dias atuais pelo menos no Brasil, o háb[…]

Segundo dados estatísticos do IBGE, idosos […]

Evasão escolar

Olá! Li sua redação e ela f[…]

Redação- invisibilidade e registro c[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM