• Avatar do usuário
#80258
Com o crescente processo de globalização, novos instrumentos de telecomunicação ganham espaço e determinam novas formas de comunicação. Consoante a esta realidade, dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) do ano de 2021 apontam que mais de 80% dos domicílios brasileiros têm acesso à internet, sendo o principal veículo o celular. Tal informação evidencia o poder atual da mídia, capaz de ser um relevante espaço de discussão e expressão, mas também uma potente ferramenta de manipulação.

Mormente, a função da mídia como um espaço de discussão e expressão é primordial a sociedade. Essa atribuição ajuda a iniciar um processo de debate sobre assuntos recorrentes na sociedade. Como ocorreu quando o humorista Paulo Gustavo emprestou sua conta no Instagram com mais de 13 milhões de seguidores a uma ativista para ser um local de discussão sobre pautas relacionadas ao racismo, evidenciando o posto que a mídia deve exercer em assuntos vigentes na contemporaneidade.

Todavia, a mídia também está se transformando em uma ferramenta de manipulação. Influenciadores digitais, jornais e sites estão controlando os pensamentos de grandes massas e sendo controlados por marcas, conforme descreve a citação do escritor George Orwell: “A massa mantém a marca, a marca mantém a mídia, e a mídia controla a massa. ”. A fim de manter tal ciclo, inúmeras vezes, a mídia torna-se um espaço frágil, vulnerável à ampla divulgação de informações falsas, caluniosas. Um retrato desse cenário é a atuação dos influenciadores na divulgação de grandes marcas que, na maioria das vezes, não cumprem aquilo que o produto promete.

Tendo em vista a problemática debatida, fica evidente que medidas devem ser tomadas. Cabe, então, ao Ministério da Comunicação propor atuação em conjunto com usuários influentes das redes sociais, visto que estas constituem uns dos veículos midiáticos mais poderosos da atualidade, para a promoção de lives e fóruns de debate acerca de questões sociais pertinentes à população. Também é necessário que o Ministério da Comunicação institua leis mais rígidas voltadas ao combate a crimes cibernéticos, incluindo a propagação de informações falsas e caluniosas. Somente assim, o espaço midiático se tornará um local seguro e ideal para a discussão e expressão.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Excelente redação amigo.

@eurodrigo poderia dar uma olhada?

Correção flash • Modelo ENEM […]

Correção flash • Modelo ENEM […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM