• Avatar do usuário
#68583
Vacinação é o ato de se injetar um composto na corrente sanguínea de uma pessoa. Nessa fórmula temos seres patológicos (vírus ou bactérias), inteiros ou em partes, vivos ou mortos. E o que é o movimento antivacina? É, basicamente, uma aversão a vacina.
Nos últimos anos vários pais deixaram de vacinar os seus filhos, expondo-os a várias doenças que até então estavam a beira da erradicação. Não podemos dizer que seja um movimento grande, mas mesmo com poucos adeptos, ele faz muito barulho e anda trazendo muita preocupação para a sociedade científica.
Em 1998, o médico Andrew Wakefield publicou um artigo onde dizia que as vacinas causavam autismo em crianças pequenas. E mesmo essa história tendo sido comprovada com uma fraude, a dúvida permaneceu no coração de muitos. Fora isso, também cresceu um pensamento nas pessoas de que se a pessoas é saudável ela não precisa de vacina, expondo várias pessoas ao risco.
Com todos os dados apresentados chegamos a conclusão que não podemos fechar os olhos para tal circunstância. Devemos envolver as famílias mostrando a importância do ato, facilitar mais o acesso as vacinas e levar esse assunto para as escolas, pois é quando crianças que aprendemos a maior parte das coisas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

#68584
helianthus escreveu:Vacinação é o ato de injetar um composto na corrente sanguínea de uma pessoa. Nessa fórmula temos seres patológicos (vírus ou bactérias), inteiros ou em partes, vivos ou mortos. E o que é o movimento antivacina? É, basicamente, uma aversão a vacina.
Nos últimos anos vários pais deixaram de vacinar os seus filhos, expondo-os a várias doenças que até então estavam a beira da erradicação. Não podemos dizer que seja um movimento grande, mas mesmo com poucos adeptos, ele faz muito barulho e anda trazendo muita preocupação para a sociedade científica.
Em 1998, o médico Andrew Wakefield publicou um artigo onde dizia que as vacinas causavam autismo em crianças pequenas. E mesmo essa história tendo sido comprovada com uma fraude, a dúvida permaneceu no coração de muitos. Fora isso, também cresceu um pensamento nas pessoas de que se a pessoas é saudável ela não precisa de vacina, expondo várias pessoas ao risco.
Com todos os dados apresentados chegamos a conclusão que não podemos fechar os olhos para tal circunstância. Devemos envolver as famílias mostrando a importância do ato, facilitar mais o acesso as vacinas e levar esse assunto para as escolas, pois é quando crianças que aprendemos a maior parte das coisas.

De acordo com a Primeira Lei de Newton, um corpo e[…]

Doação do coração

A série médica americana "Grey'[…]

Carinho sanguíneo

A série médica americana "Grey'[…]

Índio no Brasil

Hoje,na sociedade brasileira, as políticas […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM