• Avatar do usuário
#79091
Na telenovela mexicana "Amores Verdadeiros", produzida pela Televisa, os personagens, Jean-Marie e Stéfano Longória se apaixonam. Odete Longória, mãe de Stéfano, repudia o sentimento de seu filho, e constantemente o discrimina ao chamá-lo de "afeminado". Fora da ficção, essa situação é análoga e ainda mais grave quando comparado ao hodierno cenário brasileiro, posto que se intensifica a intolerância e a violência à população "Lgbt". Isso ocorre, seja pela ausência de leis rígidas, seja pela falta de educação social. Assim, hão de se analisados tais fatores, de modo que se possa liquidá-los de maneira eficaz.
Primordialmente, é importante salientar que a intolerância e a violência, sobretudo, aos grupos "Lgbt's", são formas de desrespeito ao artigo 7.° da Constituição Federal Brasileira: "Todos são iguais perante a lei, e sem distinção, têm direito a igual proteção de lei". Isso geralmente não se concretiza, visto que estes são marginalizados por grande parte da sociedade. É notável a falta de leis factuais e rígidas para com esses crimes.
Concomitantemente a isso, é possível perceber que a falta de respeito e empatia em relação às minorias, se deve ao fato de que os praticantes de atos agressivos – físicos ou psicológicos – não receberam a devida educação social, seja no âmbito familiar, seja no ambiente escolar. Essa observação pode ser comprovada com base na afirmação – "Educai as crianças e não será preciso punir os homens", feita pelo filósofo grego Pitágoras. Desse modo, é indubitável a necessidade de se abordar de forma profunda, com os jovens, em casa e na escola, o respeito às diferenças.
Portanto, urge o combate à intolerância e à violência à sociedade "Lgbt". Para tanto, é dever do Estado, concretizar leis que sejam eficazes na punição por crimes de discriminação. Também compete ao governo, por meio do Ministério da Educação, elaborar projetos que propaguem a educação social nas escolas, o respeito e a tolerância a todos os grupos sociais, para assim, evitar a formação de adultos intolerantes, violentos e sem empatia. Assim, se distanciando da realidade retratada em "Amores Verdadeiros".
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

No filme Malala, é retrato à vida da[…]

analfabetismo no Brasil

Oi, Iurymed , tudo certo? bora lá (lembran[…]

Título: Mais problemas O programa mais m&[…]

Jotaveh walace vanussa Isabelaassis

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM