Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#51859
De acordo com a constituição federal de 1988, que é o documento Jurídico mais importânte do país, prevê em seu artigo 6º o direito a segurança e moradia como inerente a todo cidadão brasileiro.
Contanto tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase na prática quando se observa que a valorização indígena não está tendo a devida importância necessária, dificultando, deste modo, a universialização desse direito social tão importante.
Diante dessa perspectiva, faz-se imperiosa a análise dos fatores que favorecem esse quadro.
Em uma primeira análise, deve-se ressaltar a ausencia de medidas governamentais para combater a desvalorização indígena. Nesse sentido a falta de importância da valorização da população indígena vem permeando a sociedade e cuminando uma série de problemas por exemplo, os protestos efetuados pelos índios em meados de Março de 2013, após serem obrigados a desocupar o lugar o qual tinham como moradia, essa conjuntura segundo as ideias do filósofo contratualista John Locke, configura-se como uma violação do "contrato social", já que o estado não cumpre sua função de garantir que os cidadãos desfrutem de direitos indispensáveis como a segurança e moradia, o que infelizmente é algo evidente no país.
Ademais, é fundamental apontar a falta de informação e educação nas escolas sobre as comunidades de povos indígenas, como impulsionados da desvalorização da mesma no brasil. Segundo a funai os indios e suas comunidade possuem mais de 200 variedades linguísticas dentro do brasil, e isto é considerado uma boa parte das riquezas que o país possui. Diante de tal exposto, é extremamente importânte que informações como essa sejam passadas nas escolas para que cresça cada vez mais a valorização dos índios, pela população brasileira. Logo, é inadimissível que esse cenário continue a perdurar.
Depreende-se portanto, a necessidade de combater esses obstáculos. Para isso, é impressindível que o governo, por intermédio de palestras escolares, efetue a inclusão das culturas e curiosidades da população indígena de forma mais ampla para que as crianças e adolecentes possam ter informações mais abrangentes, sobre o quanto a população indígena é, e já foi importante para o brasil, afim de que todos tenham em mente que deve-se valorizar toda a população e comunidade indígena. Assim se consolidará uma sociedade mais segura e humana, onde o estado desempenha corretamente seu "contrato social", tal como afirma John Locke. :P :lol:
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

jherodrigues Felipe082 poderiam dar uma ol[…]

A Constituição Federal Brasileira de[…]

Valorização do SUS

Oi Mari,muito obrigada pelo comentário me a[…]

Atualmente, o mundo enfrenta uma pandemia, a qual […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM